Após melhora considerável no gramado, Laranjeiras receberá área de treino específica para goleiros
Para poupar o campo, Flu fará espaço para treinamento de goleiros atrás de uma das balizas (Foto: Photocamera)

No fim da temporada de 2013, o Fluminense iniciou um projeto de recuperação do gramado da sede do clube. Durante muito tempo, o gramado do estádio das Laranjeiras foi ligado a notícias de lesões de atletas tricolores. Sempre foi criticado, tinha buracos que botavam em risco a integridade dos jogadores. Ao fim da pré-temporada deste ano, 2014, o campo já estava em boas condições. O novo 'tapete' é tratado nos mesmos moldes do gramado do Maracanã, um dos bons gramados brasileiros.

A ideia da criação do espaço para goleiros é manter a qualidade do campo. Ainda sem esta área, a comissão técnica tricolor faz um rodízio no uso das partes do campo para trabalhos com os goleiros, nomeado pelo vice de projetos especiais, Pedro Antônio, como uma cultura de cuidado com o patrimônio do clube. Estes trabalhos começam já nesta semana e podem levar até um mês para conclusão. O custo do projeto será de aproximadamente R$ 60 mil.

"A parte do campo usada pelos goleiros é a que mais tem desgaste. Então, vamos resolver isso. Tudo é feito para dar melhor condição de treino e reduzir a chance de lesão. Temos apenas um campo para treinar, é importante ter as áreas específicas. Isso diminui o desgaste" explicou o dirigente.

Na última sexta-feira (14), Pedro Antônio esteve nas Laranjeiras para avaliar o espaço para a entrada do maquinário. A área de treino para goleiros ficará atrás de um gol, à direita da arquibancada social do clube. O próximo projeto, que será a segunda etapa do processo, será atrás da linha lateral, no lado da arquibancada popular da sede.

VAVEL Logo