Vasco começa a tomar forma para enfrentar a Cabofriense
O técnico deve manter a mesma base da equipe que venceu o Bangu na última quarta-feira (19) (Foto: Divulgação/Vasco)

Nesta sexta-feira (21), a comissão técnica do Vasco da Gama dividiu o grupo e deixou os titulares no treino físico, enquanto os reservas fizeram coletivo contra os juniores no Centro de Futebol Zico (CFZ). A atividade, que teve participação intensa de Adilson, terminou 2 a 0 para os profissionais, com dois do garoto Thalles.

O time reserva atuou com Diogo Silva, Abuda, Jomar, Rafael Vaz e Lorran; Pedro Ken, Dakson, Montoya e Bernardo; William Barbio e Thalles. Nos juniores, o atacante Reginaldo reforçou a equipe sub-20, treinada pelo ex-atacante Sorato.

Adilson pedia a todo momento o avanço dos meias e dos laterais. O técnico acompanhou de perto a movimentação e reclamava do que não gostava da atuação dos reservas. Depois, pediu para Pedro Ken e Dakson, que faziam a dupla de contenção do meio de campo, para se apresentarem para o jogo. O técnico vascaíno sabe da importância de vencer o adversário em casa e pede disciplina e organização para superar a equipe de Cabo Frio na 10ª rodada do Campeonato Carioca.

"Temos que nos impor em São Januário, precisamos vencer, claro que com organização, disciplina, sabendo que o adversário também tem méritos, vamos trabalhar para vencer o jogo", disse Adilson Batista.

O treinador vem trabalhando para contar com cerca de dezoito atletas do mesmo nível para que o Cruzmaltino não venha a sofrer quando acontecerem problemas de lesões e suspensões ao longo da temporada. Neste sábado (22) pela manhã os jogadores do Vasco participarão de um trabalho recreativo e depois começa o período de concentração para o duelo contra a Cabofriense.

Jomar deve ganhar a vaga de titular e Everton pode não jogar

O zagueiro Rodrigo mostrou leve recuperação da lesão na coxa esquerda, mas continua fora da equipe do Vasco. Para a partida deste domingo (23), às 18h30, em São Januário, o treinador Adilson Batista deve mudar a zaga. Se Rafael Vaz foi titular em duas das últimas três partidas, mas acabou falhando em alguns lances, desta vez a chance deve ser de Jomar.

Titular até a reta final do Brasileiro do ano passado, o jogador revelado no clube não entra em campo desde o dia 13 de novembro, quando o Vasco perdeu para o Grêmio por 1 a 0 na Arena, em Porto Alegre. Enquanto o titular se recupera das dores musculares, será a vez dele mostrar serviço para ganhar a confiança do técnico.

Mesmo ainda com chance de entrar em campo neste domingo em São Januário, o atacante Everton Costa está com o joelho direito muito inchado e pode ficar de fora. Ele já foi desfalque por lesão nas seis primeiras partidas da competição e acabou de ganhar a vaga. O técnico ainda espera para ver como o jogador vai se apresentar neste sábado (22), na véspera da partida, mas já pensa num substituto para o caso dele ficar de fora do jogo.

Diretoria quer segurar a nova revelação do Vasco

O contrato de Thalles termina no primeiro semestre de 2015, porém a diretoria do Cruzmaltino já negocia um novo acordo e prepara uma nova proposta para os representantes do atleta. O caso é acompanhado de perto pelo diretor executivo de futebol Rodrigo Caetano.

Em seu primeiro clássico no ano, Thalles foi o responsável pelo gol que garantiu a vitória sobre o Botafogo. E um dos gols do Vasco na vitória sobre o Bangu por 2 a 0 foi marcado pelos pés dele.

Enquanto Edmilson marcou quatro em oito jogos, Thalles marcou três em quatro partidas. Nas últimas três oportunidades de entrar em campo, marcou todas as vezes e com isso deu mais um passo para alcançar o objetivo de fazer parte do elenco titular do Vasco.

VAVEL Logo