Ituano vence o Mogi Mirim e assume a liderança provisória do Grupo B

Na noite deste sábado, o Mogi Mirim recebeu o Ituano no estádio Romildo Ferreira e conquistou sua quarta partida consecutiva sem vitória, a quarta derrota da equipe dirigida por Rivaldo na competição. O placar de 1 a 0 para os visitantes, deu ao Ituano a liderança provisória do Grupo B, onde soma 18 pontos, dois à mais que o segundo colocado, o Botafogo/SP.  Já o Mogi mantém o quarto lugar do Grupo D, com 12 pontos. Na próxima rodada, o Mogi visita a Portuguesa na quarta-feira, 26, enquanto o Ituano recebe o Linense na sexta, 28.

Ituano pressiona no primeiro tempo, mas equipes não movimentam placar

O Ituano iniciou o jogo pressionando o Mogi. Logo aos dois minutos, Jean Carlos recebeu lançamento, driblou o goleiro e chutou, porém, sem ângulo, acertando as redes, pelo lado de fora. Dois minutos depois, Paulinho mandou uma bomba ao gol de Reynaldo, que conseguiu desviar para a linha de fundo. No minuto seguinte, Anderson Salles subiu mais que a defesa depois de cobrança de escanteio e, novamente, o goleiro da casa fez a intervenção.

Apenas aos 14 minutos o Mogi conseguiu assustar os visitantes. Vitinho recebeu na intermediária e mandou uma bomba de perna esquerda. O chute saiu rasteiro e por muito pouco não entrou ao gol. Passados quatro minutos, o Ituano voltou ao ataque com Jean Carlos cabeceando com perigo pela direita.

Depois deste lance, as equipes diminuíram o ritmo da partida, e somente aos 34 minutos é que os visitantes tiveram nova chance. Dessa vez, a jogada iniciou com Anderson Salles cobrando falta. O goleiro Reynaldo espalmou e a bola sobrou para Marcelinho, que chutando de esquerda, por pouco não abriu o placar.

Ainda no primeiro tempo, o Ituano teve uma chance com Cristiano aos 44, que da entrada da área, arriscou o chute e mandou a bola no travessão.

Mogi volta melhor do intervalo, mas Ituano abre o placar e vence a partida

A volta do intervalo contou com o Mogi tentando buscar mais o campo ofensivo. Com isso, aos dois minutos, Fernando Baiano consegue desviar bola de Leonardo, mas não o suficiente para mandá-la ao gol.

Três minutos depois, o Ituano teve falta para cobrar pela esquerda. Anderson Salles, em um chute forte e com efeito, mandou direto para o gol e acertou o ângulo de Reynaldo. Belo gol no Romildão.

Atrás do placar, o Mogi tentou reagir. Aos 14, Vitinho roubou bola e conseguiu o cruzamento, mas Alemão finalizou longe da meta defendida por Vagner. No minuto seguinte, Everton Sena recebeu na entrada da grande área e chutou colocado, buscando o ângulo, mas a bola seguiu para a linha de fundo.

Aos 23, lance estranho. Alemão roubou bola ainda na intermediária e deu um chutão para frente. A bola quicou na frente de Reynaldo, que adiantado, precisou correr para tirar a bola que o encobriu do destino certo que tomaria. Quase o Ituano amplia o marcador e com falha do arqueiro.

O Mogi quase chegou ao empate aos 32 minutos, quando Vitinho cobrou escanteio e Mirita subiu mais que a defesa para fazer o cabeceio. A bola tirou tinta da trave de Vagner. Sem forças e sem tempo para conquistar o empate, a equipe da casa acabou vaiada ao final do jogo, que se encerrou com a quarta derrota do clube.

VAVEL Logo