Avaí e Chapecoense se enfrentam para manter a esperança
No último confronto, Chapecoense frustrou torcida avaiana na Ressacada (Foto: Jamira Furlani)

Avaí e Chapecoense se enfrentam em situação diferente da esperada antes do início do Catarinense 2014. O Leão da Ilha manteu suas estrelas, Cleber Santana, Marquinhos e Eduardo Costa, enquanto a Chape vinha de uma grande Série B em 2013 e um acesso incontestável à Série A.

Mas a partida deste dmomingo (23), na Ressacada, terá as equipes fora da zona de classificação e em situação complicadíssima. A partida acontecerá às 18h30, em Florianópolis. Na história foram 134 confrontos, com 49 vitórias do Avaí, 44 da Chapecoense e 41 empates. A última partida foi na Série B 2013 na Ressacada, com vitória do Verdão por 2 a 1.

Vencer o clássico de Florianópolis dá ao Avaí uma confiança que o time não possuía. Porém, essa reação parece ser tardia: com 7 pontos, o Avaí está em 8º lugar e só uma combinação de resultados improvável classifica o time da capital.

Para manter-se vivo, o Avaí tem estreia de técnico: Paulo Turra comandará pela primeira vez o time azurra. E ele terá desfalques: Eduardo Costa e Marquinhos foram expulsos no clássico e Julio Cesar está no Departamento Médico. Confirmado por Turra, o Avaí entrará em campo com: Diego; Bocão, Antonio Carlos, Bruno Maia, Eduardo Neto; Revson, Tinga, Diego Jardel, Cleber Santana; Roberto e Paulo Sérgio.

Na Chapecoense, a necessidade de vitória fez o técnico Gilmar dal Pozzo mudar o esquema, colocando três atacantes. Em 7º lugar na classificação, com 9 pontos a Chape precisa da vitória para ainda sonhar com a classificação ao quadrangular semifinal. Dal Pazzo tem apenas um desfalque: o volante Wanderson. O Verdão do Oeste deve enfrentar o Avaí com Nivaldo, Ednei, Rafael Lima, André Paulino, Fabinho Gaúcho (Saletti, Nenén); Diones, Willian Arão, Régis, Tiago Luís; Fabinho Alves e Bergson.

VAVEL Logo