Sérgio Guedes valoriza empate diante do Oeste e afirma: "ganhamos um ponto"
O próximo jogo do Santa Cruz pela Série B será nos Aflitos, o adversário é o América-MG (Divulgação/Santa Cruz)

O sexto empate seguido do Santa Cruz na Série B, na última terça-feira (20), contra o Oeste-SP, não foi comemorado por nenhum tricolor, porém, para o técnico Sérgio Guedes o ponto conquistado precisa ser valorizado. Conhecedor do futebol do interior de São Paulo, em particular do time do Oeste, onde trabalhou no início deste ano, o técnico coral já sabia as dificuldades que encontraria em Itápolis.

"Jogar em Itápolis é muito difícil. Nem os grandes de São Paulo costumam ganhar lá, e nós mandamos no jogo. Eu vi um time comprometido e jogando no limite. Temos muito a melhorar e vamos, sim. Dessa vez a gente leva um ponto ganho. Em outras, perdemos dois", comentou o treinador.

Guedes condicionou a virada do Santa na Série B ao apoio da torcida. No entanto, por conta da morte do torcedor Paulo Ricardo Gomes da Silva, o Tricolor perdeu o mando de campo em cinco partidas e terá que jogar com portões fechados. A segunda será na próxima sexta-feira, contra o América-MG, nos Aflitos.

"A torcida será um desfalque que teremos. Quando tivermos o torcedor do nosso lado, ganharemos em vantagem numérica e nosso time vai ficar insustentável", finaliza o técnico.

VAVEL Logo