Com estádio superlotado, Santos bate Bahia fora de casa
Foto: Divulgação / Santos FC

Nesta quinta-feira (29), o Bahia recebeu o Santos no estádio Joia da Princesa, em Feira de Santana, no encerramento da oitava rodada do Campeonato Brasileiro e foi derrotado por 2 a 0. Alan Santos e Lucas Lima marcaram os gols do Peixe.

Mesmo desfalcado de muitos titulares, a equipe do técnico Oswaldo de Oliveira fez um bom segundo tempo e conseguiu sua segunda vitória na competição e afastou, momentaneamente, o fantasma do rebaixamento.

Com a vitória, o Santos chegou aos 11 pontos na 11ª posição enquanto o Bahia caiu para a 14ª colocação com apenas oito pontos. O tricolor tem uma partida a mais para realizar, contra o Sport fora de casa.

Na próxima rodada, o Bahia vai até Santa Catarina enfrentar o Chapecoense enquanto o Santos recebe o Criciúma no estádio Primeiro de Maio, em São Bernardo.

Pouco futebol na primeira etapa

Com o Santos cheio de desfalques e com muitos garotos, o primeiro tempo da partida foi de muita correria, mas com pouco futebol. As péssimas condições do gramado do estádio também contribuíram para a escassez de oportunidades.

O Bahia foi um melhor apostando na velocidade da dupla William Barbio e Maxi Biancucchi, mas pecaram nas finalizações. A melhor chance veio em cobrança de falta de Anderson Talisca que bateu ao lado da rede do gol defendido por Aranha.

Pelo lado do Santos, Gabriel, que retornou de lesão, foi o mais perigoso. O atacante recebeu duas bolas em condições de finalizar, mas acabou chutando fraco para defesas tranquilas de Marcelo Lomba.

A nota lamentável da primeira etapa foi a superlotação do estádio. Muitos torcedores ficaram espremidos na entrada para as arquibancadas, e muitos tiveram que pular o alambrado para que não se machucassem, e foi necessário que os bombeiros e a polícia encontrassem uma alternativa para alocar as pessoas nos anéis internos do estádio. Felizmente não houve feridos.

Alan Santos e Lucas Lima dão vitória ao Santos

No segundo tempo, as duas equipes voltaram melhores. O Santos passou a pressionar a saída de bola do adversário e criou alguma dificuldade para a equipe baiana, principalmente com o lateral-direito Cicinho.

Já o Bahia apostava nos contra-ataques e quase abre o placar depois de chute de fora da área de Maxi que o goleiro Aranha espalmou.

A primeira grande chance santista foi com Jorge Eduardo. Lucas Lima lançou o atacante do Santos que finalizou para boa defesa de Marcelo Lomba.

Melhor em campo, o Santos abriu o placar aos 17 minutos. Cicinho cobrou falta da esquerda e Alan Santos subiu mais que a defesa e cabeceou para as redes do Bahia.

O técnico Marquinhos Santos botou a sua equipe para cima ao colocar mais dois atacantes em campo, mas o time não conseguiu levar perigo ao gol de Aranha. A única aposta da equipe eram os cruzamentos, que foram afastados pelo goleiro santista, e os chutes de fora da área, que foram longe do gol.

O Santos passou a jogar no contra-ataque e aos 43 minutos marcou o seu segundo gol. Zé Carlos puxou contra-ataque, tocou para Giva na entrada da área que apenas rolou para Lucas Lima bater colocado, sem chances para Marcelo Lomba.

VAVEL Logo