Lucca lamenta início ruim na derrota do Criciúma para o Santos
Atacante Lucca em disputa de bola na partida deste domingo (Foto: Fernando Ribeiro/Criciúma EC)

Os quatro jogos sem perder do Criciúma no Campeonato Brasileiro acabaram antes mesmo dos 20 minutos da partida diante do Santos. Em dois contra-ataques iniciados por falhas de atletas do Tigre, o Peixe balançou as redes duas vezes e decretou a vitória. Para o atacante Lucca, da equipe catarinense, o mau começo de partida foi determinante para a má atuação.

"Pecamos no começo da partida. Os primeiros minutos, a gente sabia (que seriam de pressão). Mas já foi. Não adianta lamentar. Agora é voltar com tudo na parada (para a Copa) e trabalhar bastante para somar o maior número de pontos possíveis", declarou o atacante à Rádio Eldorado, da cidade de Criciúma. O jogador, que vem sendo reserva e não consegue ter o sucesso que a torcida esperava em seu retorno, ainda garantiu que o momento não é dos melhores:

"Não estou vivendo um momento legal, mas tentei, batalhei. Se entrei um pouco forte é coisa do futebol. Fiz tudo isso procurando ajudar a equipe. É difícil (jogar centralizado), a defesa deles é muito alta. Tentei me movimentar, sair do meio deles, mas não foi suficiente. Vontade não faltou em nenhum momento", finalizou o jogador, que atuou em uma posição diferente de sua de origem: a de centroavante.

Lucca e o Criciúma só voltam a atuar após a Copa do Mundo, no dia 16 de julho, em partida válida pela décima rodada e a ser disputada no Heriberto Hülse. O adversário será o Fluminense, que ocupa as primeiras posições da tabela de classificação.

VAVEL Logo