Palmeiras recebe proposta e Valdivia pode ser vendido para clube dos Emirados Árabes
Valdivia vem treinando com o Verdão na Academia de Futebol, especula-se que o meia não participe do treinamento nesta semana para resolver negociação (Foto: Divulgação/Palmeiras)

Depois de um período de muita especulação sobre uma possível venda do meio campo Jorge Valdivia,  o torcedor do Palmeiras pode não ver mais o chileno vestindo a camisa de seu time. Os dirigentes alviverdes receberam uma proposta de 5,5 milhões de euros (cerca de R$ 16,6 milhões) do Al Fujairah, dos Emirados Árabes, e deve vender o atleta.

A expectativa é que Valdivia já não treine nesta segunda-feira (14) se a negociação for levada adiante. O único empecilho para a concetrização é a existência de uma multa que deveria ser paga pelo Palmeiras ao Al Ain, também dos Emirados Árabes, clube em que o chileno jogava antes de retornar ao Brasil.

No contrato firmado na época, o Verdão deveria pagar a quantia de 2 milhões de euros ao clube árabe em caso de venda para outra equipe do mesmo país. O departamento jurídico do clube paulista analisa, agora, se esta cláusula ainda se mantém em vigência. Em caso positivo, a diretoria alviverde vai tentar reduzí-la para efetivar a venda.

Nos últimos meses, o jogador manifestou o desejo em se transferir para algum clube europeu. Como até o momento nenhuma proposta concreta foi enviada, seu destino parece ser mesmo o mundo árabe. Como noticiado nos últimos dias pela Vavel Brasil, a diretoria já havia informado ao atleta e seus agentes da intenção de venda, caso as propostas fossem vantajosas para ambos os lados. 

Duas motivações parecem impulsionar a venda do atleta. A primeira é o finalização do contrato com o camisa 10 em agosto de 2015. O jogador poderia assinar um pré-contrato mais à frente e sair de graça. A outra motivação é o elevado número de estrangeiros no elenco palmeirense que ainda espera a possível chegada de Lucas Pratto ou Facundo Ferreyra.

O lucro da venda será dividido entre o Palmeiras, que ficará com 64%, e o conselheiro Osório Furlan, com 36%. A possível multa ao Al Ain seria paga somente pelo clube. Valdivia ainda teria direito a 10%, mas deve abrir mão e deixar o valor com o próprio time, dono de 54% de seus direitos. 

Se Valdivia realmente deixar o clube, sua última partida terá sido contra o Goiás, quando o Palmeiras alcançou a vitória por 2 a 0, pelo Campeonato Brasileiro, no dia 10 de maio deste ano. No total foram 218 jogos e 41 gols pelo Verdão, além das conquistas do Campeonato Paulista de 2008, a Copa do Brasil em 2012 e a Série B em 2013.

VAVEL Logo