Irritado com a arbitragem, D'Alessandro diz que derrota foi injusta: "Merecíamos um empate"
Meia do Inter preferiu não comentar sobre atuação do árbitro (Foto: Alexandre Lops/Internacional)

Para os jogadores do Internacional, a derrota para o Corinthians fora de casa no retorno da equipe ao Brasileirão, por 2 a 1, se deu por conta dos gols sofridos no início do jogo. Na saída para os vestiários, os dois tentos sofridos nos primeiros dez minutos foram consenso na explicação pelo revés, ainda assim, todos fizeram questão de exaltar o bom segundo tempo.

D'Alessandro, que saiu de campo muito irritado com o árbitro da partida, fez sua avaliação. Merecíamos um empate, no mínimo. Nos primeiros 15 minutos o Corinthians foi melhor, mas depois (o jogo) foi todo nosso, quem propôs foi o Inter, resumiu.

Questionado sobre a arbitragem, o argentino não conseguiu esconder a insatisfação, mas se negou a comentar. Do árbitro eu não falo, encerrou.

Os demais atletas que se dirigiam ao vestiário seguiram o coro do capitão. Cláudio Winck, autor do gol Colorado, tentou explicar o ocorrido: Tomamos dois no início e ficou difícil de buscar, avaliou.

O zagueiro Juan, uma das lideranças do plantel colorado, destacou a atuação da equipe. O jogador ressaltou que apesar de ter conseguido diminuir o marcador, já era tarde demais para alcançar o empate.

O segundo tempo foi todo bom. Eles foram felizes nas duas oportunidades de gol que tiveram. Mas tem muita coisa pela frente ainda, lamentou o zagueiro.

Tivemos a posse total no segundo tempo, conseguimos o gol e tentamos o segundo. A volta do Brasileirão é isso, temos que estar atentos ao próximo jogo, completou Paulão, na mesma linha do companheiro de zaga.

O Inter volta a campo pelo Brasileirão no próximo domingo (20), quanto recebe o Flamengo no Beira-Rio.

VAVEL Logo