Na volta ao Cruzeiro, Willian destaca a vantagem na liderança
Willian disputa a bola com Carlos Alberto (Foto: Reprodução / Superesportes)

Após ter acertado sua permanência no Cruzeiro com o Metalist, da Ucrânia, Willian retornou ao time diante do Botafogo, neste sábado (02). Apesar de não ter conseguido a vitória, o atacante não lamentou o empate em 1 a 1 no Rio de Janeiro. O camisa 25 começou no banco de reservas e foi chamado no segundo tempo da partida, substituindo o volante Henrique.

O Cruzeiro acertou a compra dos direitos do atacante com o Metalist, por € 3,5 milhões, divididos em sete parcelas de € 500 mil, renovando o  contrato de Willian por quatro anos. Por pouco o jogador não balançou as redes em um chute forte que carimbou o travessão de Jefferson.

Apesar da equipe não ter conseguido conquistar os três pontos fora de casa, para Willian, o ponto somado merece ser festejado. Mesmo com a crise no Botafogo, com atraso de salários dos jogadores, Willian esperava um jogo complicado, principalmente por ser fora de casa.

“O importante é que a gente somou um ponto, que nos mantém na liderança’’, analisou. Jogar no Maracanã não é fácil, mesmo com o Botafogo não estando em uma situação boa, passando por dificuldades financeiras. Mas fizemos uma boa partida’’, foram as palavras do atacante.

Líder do campeonato, até o momento o Cruzeiro tem vantagem de seis pontos do vice-líder Corinthians, que irá enfrentar o Coritiba, neste domingo (03), no Couto Pereira. O próximo adversário do clube mineiro será o Criciúma, que recebe o clube mineiro no Heriberto Hülse, no próximo sábado (9).

VAVEL Logo