Após a vitória, Luxemburgo elogia equipe e diz que time voltou a jogar dentro das suas características
Equipe conseguiu a sétima vitória no comando de Luxa (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Depois de duas derrotas seguidas para o Grêmio e o Goiás, respectivamente, o Flamengo voltou a vencer na 21ª rodada do Brasileirão 2014, com o placar de 1 a 0 sobre o Corinthians no Maracanã, gerado a partir de um erro de arbitragem ao não anotar o impedimento de Eduardo da Silva no gol de Wallace. Com a vitória, o time de Vanderlei Luxemburgo se afastou um pouco mais da zona de rebaixamento e para o treinador, o gol irregular pouco importou. O comandante ficou satisfeito mais uma vez com a postura do time, que ele costuma dizer que colocou um “saco de cimento” nas costas. Sobre a arbitragem, o mesmo disse que só comentará após rever o lance e elogiou a postura aguerrida do time.

“Primeiro, quero dar os parabéns aos jogadores. Voltamos a trabalhar nas nossas características: botamos o rabo no chão. O Flamengo não tem um grande time. Foi bem contra Grêmio e Goiás, mas não botou o rabo no chão. Hoje, não deixamos o Corinthians jogar em suas características. O gol eu quero parar para ver antes de falar. Até porque, erros e acertos acontecem. Não vou tirar o mérito dos meus jogadores, que fizeram uma grande partida”, disse o treinador.

O treinador aproveitou o momento para destacar as atuações do zagueiro Wallace e o meia Everton. Para o treinador, os dois jogadores fizeram ótima partida na tarde deste domingo (14).

“Quero ganhar de meio a zero todos os jogos que vamos avançar. Não é valorizar o Everton, mas quem teve uma atuação exemplar, que não teve nenhum erro, foi o Wallace. Foi um zagueiro de altíssimo nível e fez uma grande partida com o Chicão, sem dar chance ao adversário. A equipe toda ajuda os jogadores a aflorarem suas qualidades. O Everton também tem jogado bem há algum tempo e está em uma crescente. Quando estamos no sufoco, a bola sai com ele, que impõe velocidade. A equipe estava totalmente concentrada. Os jogos que perdemos é normal para um time que sai de uma zona da confusão e consegue vitórias seguidas. A mudança de comportamento é inconsciente”, comentou o treinador.

O Flamengo volta à campo nesta quarta-feira (17), às 22h no horário de Brasília, contra o Palmeiras, no Pacaembu.

VAVEL Logo