Bruno e Diguinho deixam Fluminense e lateral acerta transferência para o São Paulo
Bruno será o segundo lateral contratado pelo São Paulo para 2015 (Foto: Agência Photocamera)

Após acertar com Carlinhos, o São Paulo anunciou a contratação de mais um jogador do Fluminense. Trata-se do lateral-direito Bruno, nome indicado pelo técnico Muricy Ramalho para disputa da Copa Libertadores da América, em vista que o Tricolor paulista carece de nomes para a posição. Diretorias paulista e carioca entraram em acordo pelo jogador e anunciaram o acerto nesta quarta-feira (17).

Quem confirmou a transferência foi o presidente do Tricolor Paulista, Carlos Miguel Aidar, junto da renovação de contrato de outros atletas do elenco. "Nosso primeiro grande reforço foi a renovação do goleiro do Rogério. Nós temos hoje o Souza em definitivo, numa operação ocorrida no início de novembro. Renovamos o Hudson por três anos, temos o Breno voltando agora. Contratamos o Bruno (ex-Flu) por dois anos, está fazendo exames médicos", comentou.

Contratado no início de 2012 como substituto imediato de Mariano, que na época transferiu-se para o futebol francês, Bruno foi titular absoluto na posição por dois anos, conquistando títulos de campeão carioca e brasileiro. O jogador disputou 146 partidas, com 72 vitórias, 35 empates e 39 derrotas.

Vivendo uma nova realidade financeira após a saída de Unimed, o Fluminense pode optar por buscar um novo lateral-direito no mercado ou apostar nos jogadores que retornam de empréstimo. Wellington Silva, que deixa o Internacional, e Igor Julião, voltando após se destacar na MLS, incorporam o elenco junto a Renato, contratado junto ao ABC, que ainda não realizou partida oficial.

Diguinho também não faz mais parte dos planos

Durante coletiva de imprensa realizada em Laranjeiras, coube a Mario Bittencourt anunciar que Diguinho, volante bicampeão brasileiro pelo clube, não está nos planos da comissão técnica para 2015. Através de sua assessoria de imprensa, o jogador divulgou uma nota agradecendo sua passagem pelo Tricolor.

"Hoje chega ao fim de um ciclo muito vencedor e importante na minha vida profissional. Agradeço demais ao Fluminense pela história que pude construir e pelo esforço do clube em me manter. Serei eternamente grato pelos aprendizados e convívio com os presidentes do clube e da patrocinadora, os dirigentes, os treinadores, companheiros e todos os funcionários do clube. Sem dúvidas, bate um sentimento de tristeza por deixar um lugar que me fez tão bem por tanto tempo".

Contratado em 2009, Diguinho defendeu o Fluminense em 223 jogos, marcando cinco gols nas ocasiões. Titular absoluto em 2010, perdeu espaço para Jean após lesionar-se seriamente durante a disputa da Libertadores da América em 2012 e não recuperou a posição. Seu alto salário foi um diferencial para a não-renovação de contrato.

Diguinho foi bicampeão brasileiro pelo clube (Foto: Fernando Cazaes/Photocamera)
VAVEL Logo