Sport goleia Central com tranquilidade e encaminha terceiro lugar do Pernambucano
(Foto: Léo Lisboa/FPF)

Nas semifinais do Campeonato Pernambucano, o Central foi goleado no primeiro confronto e sucumbiu, não teve forças para seguir na competição. O Sport tentou fazer vários gols após ser derrotado na primeira semifinal, mas não conseguiu. Por isso, Patativa e Leão mediram forças na noite dessa quarta-feira (29), no Estádio Lacerdão, em Caruaru/PE.

Em campo, a disputa pelo terceiro lugar para decidir qual a equipe que vai representar o estado de Pernambuco no Campeonato do Nordeste e na Copa do Brasil 2016. O Sport, que precisava balançar as redes nas semifinais e não conseguiu, abusou de marcar no jogo de hoje. O rubro-negro leonino goleou por 5 a 0, com tentos assinalados por Diego Souza (duas vezes), Felipe Azevedo, Élber e Joelinton.

Com o resultado, o Sport pode ser derrotado por quatro gols de diferença que fica com o terceiro lugar. Só uma nova goleada inverte o resultado para a Patativa. Vitória por cinco gols leva a disputa às penalidades máximas, enquanto triunfo por seis gols de vantagem garante o Central como o melhor time no confronto. O segundo duelo entre as equipes está marcado para às 18h30 do próximo sábado (02), na Ilha do Retiro, em Recife.

Diego Souza marca dois e Sport encaminha goleada

As condições lastimáveis do gramado do Estádio Lacerdão, em Caruaru, poderiam indicar que o jogo seria de baixa qualidade técnica e que os gols talvez não saíssem. O duelo começou de forma corrida, mas não tiveram chances de marcar por ambas as equipes. Com o tempo, o Leão começou a ganhar o meio de campo, mas não criava oportunidades. Por outro lado, a Patativa não tinha eficiência na saída de bola.

O Sport, com mais poderio e equipe mais qualificada, gradativamente começava a tomar conta do jogo. E isso teve efeito a partir dos 30 minutos. Joelinton dividiu a bola na intermediária. A pelota passou pela defesa centralina e Élber, sozinho, tocou por cima do goleiro Beto, e abriu o marcador em Caruaru.

O gol tranquilizou o Leão, que teve ainda mais domínio do jogo e encaminhou a goleada com dois gols em dois lances consecutivos. Aos 36 minutos, em bola cruzada por Felipe Azevedo, Diego Souza finalizou com tranquilidade para aumentar a vantagem. No minuto seguinte, o próprio Diego Souza arriscou um petardo da intermediária, e o goleiro Beto apenas observou a bola entrar e o meia leonino comemorou o segundo gol marcado no confronto.

Tranquilo, Sport aumenta vantagem e fecha goleada

Desesperado para conter o avanço rubro-negro, o técnico Humberto Santos promoveu duas modificações para a equipe diminuir o marcador e buscar o empate no decorrer da segunda etapa. Porém, o Sport se defendia de maneira exemplar, e a estratégia alvinegra não dava certo. Aos 10 minutos, o Leão perdeu ótima oportunidade de criar goleada. Depois de boa troca de passes por parte da equipe rubro-negra, o volante recebeu sozinho, de frente para o arqueiro Beto, e mandou para fora.

Mas não teve tempo para lamentações. Aos 12, após nova troca de passes entre Felipe Azevedo e Élber, o atacante recebeu entre os zagueiros, dominou e chutou forte, sem chances de defesa. Não restou alternativa ao Central, a não ser se defender e evitar uma goleada maior. Aos 19 minutos, Élber avançou pela intermediária, passou pela zaga da Patativa, mas chutou em cima de Beto, que fez a defesa.

Era questão de tempo mais um gol rubro-negro sair. E saiu. Aos 25 minutos, Renê deu lançamento para Diego Souza. O jogador deu belo passe para Joelinton, que bateu de primeira, forte e rasteiro. A vitória por 5 a 0 não conteve o ímpeto leonino. Aos 29, Wendel cobrou falta e Beto fez excelente intervenção. O jogo não teve mais novidades. Aos 43 minutos, houve troca de árbitros. Neílson dos Santos, escalado pela última vez antes da aposentadoria da arbitragem, comandou os minutos finais do confronto. O juiz não deu minutos de acréscimo e o Sport venceu por 5 a 0.

VAVEL Logo