Rogério Ceni mostra satisfação com vitória sobre Cruzeiro: “Conseguimos executar o planejado”

O tricolor teve casa cheia, e quando parecia que só ficaria no empate, o argentino Centurión abriu o placar para o São Paulo e garantiu a vitória sobre o Cruzeiro no duelo brasileiro da Libertadores, que deu vantagem para o time do Morumbi no jogo em Minas Gerais.

Com o resultado positivo, o São Paulo pode empatar ou perder até por um gol de diferença na partida de volta. Em caso do placar igual (1 a 0), a decisão caminhará para os pênaltis. Em qualquer outra vitória por um gol de diferença em favor do Cruzeiro, a vantagem é tricolor.

Capitão e ídolo do time, Rogério Ceni destacou o ponto fraco do São Paulo hoje: “Acredito que finalizamos mal, nós não tínhamos Luis Fabiano e Kardec que cabeceiam bem. O Pato e Centurión não são grandes especialistas no cabeceio, mas ele (Centurión) conseguiu ir bem e fazer o gol”

O titular absoluto da meta são-paulina também comentou a respeito do sistema defensivo do tricolor: “Conseguimos fazer o planejado, colocar o Cruzeiro no campo defensivo, apesar de algumas chances claras que eles tiveram, de modo geral conseguimos evitar os ataques e acertar no plano de jogo”

Outro que falou sobre a partida foi o volante Denílson, que enalteceu o time: “O torcedor viu a nossa entrega, merecíamos a vitória, não finalizamos bem, mas a equipe lutou, deu poucas chances ao Cruzeiro, agora o pensamento é no Flamengo”.

A partida de volta será realizada no Mineirão, em Belo Horizonte na próxima quarta-feira, às 19h30. O classificado enfrentará o vencedor do ‘Superclássico’ entre Boca Juniors e River Plate.

VAVEL Logo