Em entrevista coletiva, Arouca elogia torcida e comemora evolução do time
Jogador é titular desde que chegou ao Palmeiras, em fevereiro (Foto: Palmeiras/Divulgação)

Em entrevista coletiva, Arouca elogia torcida e comemora evolução do time

Volante fala do bom momento vivido pelo o time, da parceria com Gabriel no meio campo e da sequência positiva da defesa palmeirense

alefjsep
Álef João

Em coletiva na manhã desta quinta-feira (30) na academia de futebol, o volante Arouca exaltou o bom momento da equipe e a parceria com o jovem volante Gabriel. Pilar do meio campo alviverde, o jogador comentou a boa fase e citou que o time está no caminho certo. Titular desde sua chegada, Arouca é imprescindível no esquema de Marcelo Oliveira:

"Importante é que esse time nunca se acomoda. Procurávamos isso desde o começo do ano, mas às vezes oscilamos muito. Mas o Marcelo colocou muito que tínhamos de competir mais e ter bom desempenho em casa e fora. Ficamos felizes pelo placar contra o Vasco e pelo desempenho: marcamos, agredimos, tivemos a bola… Estamos no caminho certo, mas podemos evoluir ainda”, disse. 

Além de Arouca, o jogador Gabriel, vindo do Botafogo, também tem vaga certa no time em 2015. Líder de desarmes e viradas de jogo no Palmeiras - e às vezes no Brasil - o jogador foi muito elogiado pelo experiente companheiro de meio campo, que jogam juntos na temporada. 

"É um garoto especial, tem um futuro enorme, e conseguimos nos entrosar rápidos dentro e fora do campo, nossas esposas conversam muito, a gente sai para jantar, isso nos ajuda muito em campo. Procuramos sempre evoluir. Não queremos dar brecha e perder a posição, por isso tentamos sempre evoluir. Jogar com ele facilita muito para mim, ele é muito técnico, ajuda na saída de bola, nós intercalamos a subida. Esse entrosamento tem sido fundamental. Conversamos muito para ajudar na marcação e na frente”, completou o jogador. 

Quando perguntado sobre os números dos dois na temporada, Arouca comemorou. A boa fase da defesa palmeirense, que sofreu apenas três gols nos últimos oito jogos, se deve muito às boas atuações dos dois marcadores. O camisa 5 também enalteceu a importância dos treinos coletivos, que são os que dão ritmo de jogo aos jogadores

“Fico feliz pelos números. Sempre tento me doar ao máximo para vencer. Rola essa brincadeira, o grupo é muito unido, mas todos somos responsáveis, temos o objetivo de vitória. Temos levado esse entrosamento para o campo e tem sido fundamental. (O coletivo) É importante. Temos um elenco de muita qualidade, não só os 11 que jogam. E o treino fica pegado, como se fosse um jogo. Isso ajuda a equipe a crescer e quem não está jogando ganha ritmo”, comentou. 

Além da fase positiva do time, a torcida do Palmeiras tem chamado a atenção pela imensa aproximação e dedicação aos jogadores. Com uma das melhores médias de público do país, os palmeirenses têm incentivado muito e isso reflete dentro de campo, segundo o jogador. Além disso, ressaltou que o momento é bom, mas não recomendou uma empolgação além do limite:

“Nunca vi uma torcida tão apaixonada, que lota, incentiva do começo ao fim. Eles são fundamentais para o nosso crescimento e nossos objetivoAnsiedade existe, mas tentamos controlar para não atrapalhar. É um passo de cada vez. Vamos tentar diminuir a diferença para os líderes. Quando tiver uma diferença mínima e eles derem a chance, vamos tentar aproveitar e não sair mais da liderança, completou. 

Arouca e o Palmeiras voltam a campo no domingo (2), às 11h no Allianz Parque, válido pela a 16° rodada do campeonato brasileiro. O time vai em busca da vitória para seguir firme no G4 e na cola do líder. Com 28 pontos, o Palmeiras pode consolidar a segunda rodada seguida na zona que classifica à Libertadores se vencer o Atlético-PR. 

VAVEL Logo