Pré-Jogo: Avaí e Cruzeiro se enfrentam pela 33ª rodada do Brasileirão
(Foto: Hugo Alves/ Editoria de Arte VAVEL)

Na noite desse sábado (31), às 19h30, Avaí e Cruzeiro se enfrentam no Estádio Ressacada pela 33ª rodada do campeonato. O jogo, da reta final do Brasileiro, é de grande importância para os dois times: o Avaí quer se distanciar ao máximo da Zona de Rebaixamento, já o Cruzeiro quer continuar com bons resultados desde a chegada de Mano Meneses, e os mais otimistas querem até uma vaga no G4.

Atualmente, o Avaí é o primeiro clube fora da Zona, com 34 pontos, um a mais que o Coritiba, primeiro time na zona de rebaixamento. Na última rodada o Leão da Ilha teve um empate em 0 a 0 no confronto direto com a Chapeconse.

O Cruzeiro, que vem de uma significativa melhora desde a chegada de Mano Meneses, venceu o último jogo contra o Goiás, por 1 a 0, com gol de Arrascaeta. Com isso, ultrapassou o Atlético-PR e agora está na 11ª posição, com seis pontos a menos que o Santos, último colocado do G4.

O confronto será apitado por Raphael Claus - SP (FIFA), com assistência de Alex Ang Ribeiro - SP (CBF-2) e Marcelo Bertanha Barison - RS (ESP-2).

Foco na pontaria

Para vencer o Cruzeiro, o treinador Gilson Kleina fez questão de passar um treinamento inteiro com foco nas finalizações e jogadas aéreas. O time do Avaí precisa voltar a vencer para se distanciar da incômoda zona de rebaixamento e ficar longe da série B em 2016.

Para ter mais força na Ressacada, o Leão fez uma promoção de ingressos a R$30,00 para que assim a torcida lote o estádio e ajude o time em busca da vitória. Uma novidade no time é a provável volta do meia e capitão Marquinhos, que ficou de fora do jogo contra a Chape.

Marquinhos, que está voltando de lesão, quis deixar claro que se não estiver no time titular não se sente incomodado e que faz tudo para o Avaí: “- O time foi bem contra a Chapecoense, fez um plano de jogo e concretizou com uma grande partida, um bom resultado, poderia ter sido um resultado maravilhoso, mas por causa de um erro... a gente também erra, mas quando é contra, a dor é um pouco maior. Estou apto, se ele (Gilson Kleina) quiser que eu comece do início, estou pronto. Claro que todo jogador quer jogar, mas nessa ocasião, nessa situação, como sempre falei, não quero prejudicar o Avaí, minha vontade é estar ajudando, de início ou entrando no decorrer do confronto” disse ele.

Apesar da volta de Marquinhos, o time de Kleina deve ficar atento: o Avaí é o clube com mais cartões amarelos e possui 9 jogadores pendurados, sendo eles Adriano, André Lima, Claudinei, Everton Silva, Marquinhos, Nino Paraíba, Pablo, Renan e Tauã. Para não haver problemas para o próximo jogo estes jogadores precisam ficar atentos e evitarem faltas desnecessárias e perigosas.

Pra manter a seqüência sem derrotas

A presença do Santos e do Palmeiras na disputa pela última vaga do G4, dá ao torcedor cruzeirense uma expectativa de G5, uma vez que os dois clubes disputam a final da Copa do Brasil, e o vencedor irá direto para a Libertadores. Mesmo assim, a chance da raposa ir para a libertadores é de apenas 1%. O que dá esperança é a campanha da segunda metade do brasileirão: desde a chegada de Mano ao clube, o Cruzeiro vem tendo uma sequência muito positiva, com um aproveitamento de cerca de 63%.

A novidade no Cruzeiro é a presença de Júlio Baptista entre os relacionados para o jogo. O jogador ficou um bom tempo recuperando de cirurgia no joelho, mas novamente se contundiu, voltando apenas agora para o time da raposa. O treinador Mano Meneses acredita num jogo pesado, devido às chuvas que ocorrem no sul do país, e por isso deve usar durante o jogo Júlio Baptista e Leandro Damião que são jogadores fortes e podem audar muito em campo.

"Não tendo condições de jogar no chão, a bola vai subir mais, vai ser mais físico. Vou levar dois jogadores de mais força física como alternativa, porque pode não funcionar tecnicamente. Para isso, temos alternativas de Damião e Júlio Baptista, que, felizmente, também está de volta", comemorou o técnico.

VAVEL Logo