Sport bate Grêmio em jogo movimentado e cola no G-4 do Brasileirão
Foto: Williams Aguiar/Sport

A noite deste domingo (8), na Ilha do Retiro, reservou um duelo de extrema importância na parte de cima da classificação do Campeonato Brasileiro 2015. Sport e Grêmio foram protagonistas de um grande jogo que encerrou a 34° rodada do Brasileirão. O time de Roberto Falcão bateu a equipe gaúcha por 1 a 0, e colou no G-4. O jogo foi movimentado do início ao fim, com oportunidades de gols, expulsões e tudo que um bom jogo reserva.

Com gol solitário de André aos 24 minutos, os rubro-negros bateram o Grêmio de Roger Machado, que teve Pedro Rocha expulso. Com o resultado, o Sport pulou para a sétima posição com 52 pontos, a 2 do G-4. Já o tricolor manteve a terceira colocação com 59 pontos, a quatro do vice-líder e do quarto colocado, Santos.

O Brasileirão voltará apenas no dia 15, quando o Sport visita o Cruzeiro em confronto direto pela parte de cima da tabela. O Grêmio, por sua vez, recebe o Fluminense na sua Arena, no dia 19.

Grêmio é melhor em primeiro tempo agitado, mas com poucas chances de gols

Com intensidade, Sport e Grêmio deram início a um belo primeiro tempo. Jogando em casa, o Sport partia para o ataque. O Grêmio, por sua vez, mesmo estando fora, não deixava de atacar numericamente com menos de 5 jogadores. Com isso, o jogo ficou aberto, e com isso, intenso. Espaços surgiram e o jogo ficou corrido, as duas equipes queriam a vitória.

Conforme o transcorrer do jogo, a partida seguiu agitada, mas com poucas chances de gol. Quando chegava, o Sport não tinha pontaria calibrada para chutar ao gol defendido por Marcelo Grohe. O Grêmio por sua vez, chegava perto da grande área, mas não conseguia espaço para chutar.

Próximo do final da primeira etapa, o tricolor gaúcho era melhor. O domínio da posse de bola e a objetividade pelas laterais faziam com que o time de Roger Machado chegasse perto da área sempre que tinha a bola dominada, mas sem conseguir o último passe, não furava a defesa do Sport, que deixou os tricolores darem apenas dois chutes durante todo o primeiro tempo. Um deles foi de Luan, que recebeu de Giuliano, mas em lance de puro reflexo, Danilo Fernandes salvou o gol gremista.

André marca, Pedro Rocha é expulso e Sport confirma a vitória em jogo agitado

O início da segunda etapa não foi diferente da primeira, e com apenas trinta segundos, Douglas tinha deixado Éverton na frente de Danilo Fernandes, mas o atacante gremista desperdiçou a mais clara chance de gol gremista depois do chute de Luan no primeiro tempo. O Grêmio era melhor, e aos dez minutos, Éverton recuperou a bola no campo de ataque, lançou Luan, que bateu cruzado à esquerda do goleiro pernambucano.

Aos 24 minutos, quando o Sport já havia melhorado na segunda etapa, Diego Souza escorou um lançamento do meio-campo para o meio da área, onde estava André, sozinho, tocou por cima de Grohe, que viu a bola entrar lentamente para o fundo do gol. 1 a 0 Sport e festa na Ilha do Retiro. Com o gol, os pernambucanos melhoraram na partida, e cinco minutos depois, Ewerton Pascoa cabeceou livre na área, e Marcelo Grohe salvou o que seria o segundo gol dos rubro-negros.

O jogo ficou agitado. Lá e cá, Danilo Fernandes novamente salvou o Sport, quando Luan deixou Giuliano em boas condições de marcar, mas o goleiro rubro-negro evitou o que seria o empate gaúcho. Com 33 minutos de jogo, Pedro Rocha, que havia acabado entrar, soltou o braço esquerdo em Samuel Xavier, e foi expulso. Com um a mais, o Sport, que já tinha a vantagem no placar, tinha agora vantagem numérica.

Já no fim do jogo, restou apenas a administração do resultado por parte dos donos da casa, que confirmaram a vitória importante em cima do Grêmio.

VAVEL Logo