Em Rosário, Brasil derruba Argentina de Maradona e garante ida à Copa do Mundo 2010; relembre
Na memória: Em Rosário, Brasil derruba Argentina de Maradona e carimba passaporte ao Mundial 2010

Brasil e Argentina entraram em campo no dia 5 de setembro de 2009 para fazer um importante confronto visando confirmar a ida à Copa do Mundo de 2010. A pressão era grande e, com de costume, os argentinos prometiam dar bastante trabalho os brasileiros no estádio Gigante de Arroyito, em Rosário, e um clima de “guerra” se instalava no local. Quando o bola rolou, os selecionado verde e amarelo não se intimidou e venceu por 3 a 1, que teve direito a aplauso dos torcedores da albiceleste.

Com Dunga no comando, os brasileiros apresentaram um bom futebol e conseguiram garantir uma das quatro vagas para a Copa do Mundo 2010 com três rodadas de antecedência. A construção do triunfo começou com gol de Luisão ainda no primeiro tempo. Luís Fabiano fez os outros dois tentos, enquanto o argentino Dátolo diminuiu. A VAVEL Brasil relembra para você, neste especial, todos os detalhes deste jogo.

Em meio a clima de hostilidade, brasileiros mostram tranquilidade para construir boa vantagem

Os jogadores da Seleção Brasileira encontraram um cenário bastante complicado antes de a bola rolar. O clima era de total hostilidade e uma bomba foi atirada em direção ao goleiro Júlio César durante o aquecimento. Quando o duelo começou, entretanto, os brasileiros não se intimidaram e mostraram uma tranquilidade destacável. A Argentina iniciou o embate partindo para cima de toda maneira, mas acabou não logrando êxito.

A primeira boa chegada aconteceu com 12 minutos. Lionel Messi recebeu na entrada da área e finalizou buscando o ângulo direito, mas errou o alvo por muito pouco. Os argentinos tinham a posse da bola, enquanto os brasileiros fechavam os espaços do campo para matar o embate no contra-ataque. Mas o selecionado verde e amarelo chegou mesmo foi na bola parada, quando Elano mandou para área, em uma cobrança de falta, e Luisão, de cabeça, abriu o marcador.

Com o Brasil na frente, o clima da partida esquentou e alguns lances ríspidos foram registrados. Tranquilo, os brasileiros souberam aproveita outra oportunidade para ampliar a vantagem aos 30 minutos. Na ocasião, Kaká foi até a linha de fundo e acionou Maicon, que cruzou para Luís Fabiano tocar para o fundo das redes e fazer a festa dos adeptos do selecionado verde amarelo, garantindo assim a vitória parcial por 2 a 0.

Dátolo diminui para os donos da casa, mas Luís Fabiano garante triunfo brasileiro

A partida continuou do mesmo jeito na etapa final. Os argentinos estavam com a posse da bola, mas encontravam dificuldade para balançar as redes e buscar uma reação, enquanto os brasileiros exploravam o erro do adversário para “matar” o duelo e garantir logo a ida à Copa do Mundo. Um dos lances que mais retrataram a falta de objetividade da albiceleste foi quando o experiente meio-campista Véron tentou surpreender chutando de longe e fez a bola passar por cima da proteção que tinha atrás da meta.

Aos 19 minutos, entretanto, os argentinos ganharam um pouco de esperança, pois o meia-atacante Dátolo arriscou de fora da área e acabou acertando o ângulo esquerdo de Júlio César, marcando assim um belíssimo gol para delírio dos torcedores anfitriões. O selecionado verde e amarelo, contudo, não deixou os rivais sonharem com a goleada por muito tempo, pois logo conseguiram aumentar a vantagem.

Foram necessários apenas três minutos, após levar o gol, para Brasil fazer o terceiro. Kaká puxou contra-ataque com categoria pelo meio, deixou a marcação para trás e serviu o artilheiro Luís Fabiano. Impiedoso, o centroavante tocou na saída do goleiro Andujar e encobriu o adversário. Depois disso, os argentinos não encontraram mais forçar para buscar mais um tento e, assim, os brasileiros festejaram bastante a vitória por 3 a 1 e a classificação para Copa do Mundo 2010.

VAVEL Logo