Brasil x Argentina: Monumental de Núñez encharcado pelas fortes chuvas e partida cancelada

O dia em Buenos Aires foi cinzento, fechado. Nuvens carregadas deixaram o céu encoberto. A capital argentina registrou chuva o dia todo, mas uma chuva fina, que não comprometia qualquer atividade a ser realizada na cidade. Porém, o panorama mudou quando a garoa virou uma tempestade e tudo ficou alagado.

A noite de quinta-feira (12) prometia um confronto importante, o clássico entre Argentina – Brasil. Entretanto, as condições do gramado foram bastante prejudicadas, o acesso dos torcedores ficou inviável e o trabalho da imprensa também foi forçosamente modificado, o que comprometeu a cobertura do jogo.

A Seleção Argentina quis adiar o jogo, enquanto o Brasil agia com um pouco mais de cautela. Entretanto, após reunião entre representantes dos dois times, junto com a arbitragem e o delegado da partida, ficou decidido que não aconteceria o confronto, válido pela terceira rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo FIFA 2018.

Momentos após a decisão, o coordenador de seleções da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Gilmar Rinaldi, afirmou que a decisão foi em comum acordo, por causa das condições do estádio e da previsão meteorológica para as horas seguintes.

“Tivemos uma reunião, conversamos. Não tem condições. O plano meteorológico é de piora no clima e não há motivo para deixar o público esperando. Não teria sentido deixar o público chegar para depois voltar. De comum acordo, decidimos fazer o jogo amanhã no mesmo horário. Vamos ter que adaptar, temos criatividade. Vamos readaptar algumas coisas”, declarou.

Foi ventilada a possibilidade do confronto contra o Peru, marcado para a noite da terça-feira (17), também ser postergado. No entanto, Gilmar Rinaldi cravou que isso é uma hipótese descartada e será feito apenas uma reorganização no cronograma montado anteriormente.

Buenos Aires ficou um caos. No Estádio Monumental de Núñez, o gramado praticamente se tornou uma piscina em determinado momento. A área onde alguns profissionais da imprensa trabalham ficou inundada e alguns jornalistas sofreram choques elétricos. Com todo esse panorama caótico, o confronto entre Argentina x Brasil será realizado às 22 horas (horário brasileiro de verão) desta sexta-feira (13).

VAVEL Logo