Martelotte mantém cautela mesmo com acesso encaminhado: "Não conquistamos nada"
“Não conquistamos nada, mas estamos próximos do objetivo”, disse Marcelo Martelotte (Foto: Antônio Melcop/Santa Cruz)

O Santa Cruz está muito próximo de retornar à Série A do Campeonato Brasileiro. A equipe pernambucana precisa apenas de uma vitória para confirmar o acesso. Neste sábado (14), os tricolores obtiveram um triunfo maiúsculo diante do líder Botafogo e a euforia já toma conta da torcida, mas, o técnico Marcelo Martelotte não quer saber de euforia e mantém a cautela.

De acordo com Marcelo Martelotte, nada ainda foi conquistado, mesmo admitindo a proximidade da confirmação do acesso. O treinador deixou claro que agora é o momento de manter a tranquilidade para não deixar essa grande oportunidade escapar.

“Não conquistamos nada, mas estamos próximos do objetivo. Vamos manter o que fizemos no campeonato, pensar no próximo jogo. Completamos uma semana perfeita, com três vitórias em três jogos. Nesta semana, precisaremos controlar a ansiedade até o jogo contra o Mogi Mirim, pois estamos a um jogo de conquistar esse acesso”, pontuou o treinador.

O treinador do Mais Querido o empenho de sua equipe na partida diante do Botafogo e a manutenção da proposta de jogo ofensivo, mesmo atuando longe de seus domínios. Segundo ele, os tricolores marcaram muito bem no primeiro tempo e na segunda etapa souberam atacar de maneira correta para obter um placar elástico.

“Mantivemos um padrão que tivemos no campeonato, com esta formação e este pensamento de buscar o jogo. Não poderíamos mudar. Tínhamos condições de fazer o que fizemos nesta tarde, marcar o Botafogo e conquistar uma vitória maiúscula. Marcamos bem o Botafogo no primeiro tempo. Mesmo com a atuação abaixo, os seguramos. Na etapa final, construímos um placar elástico”, comentou.

O comandante também exaltou a intensidade do seu time durante os 90 minutos e aproveitou o momento para elogiar a preparação física. “Nosso time manteve uma intensidade muito grande, com muita marcação. Mais uma vez tenho que parabenizar a preparação física. Estamos 'voando' no momento decisivo. Final de temporada e todos estão desgastados. A parte física tem feito a diferença”, exaltou.

Para o confronto com o Mogi Mirim, o Santa Cruz terá dois desfalques que foram de suma importância na partida deste sábado (14). Suspensos pelos terceiro cartão amarelo, Lelê e Grafite vão ficar fora de combate, mas o treinador Coral preferiu não lamentar as ausências e mostrou confiança nos prováveis substitutos.

“Montamos times fortes durante todo o campeonato, mesmo com suspensões. Tenho certeza que, quem entrar, vai com força. Tivemos jogadores suspensos ao longo de todo o campeonato. Montamos um time forte em todas as situações. Não lamento. Quem entrar no lugar de Grafite e Lelê vai dar conta do recado. Valorizo sempre meu elenco”, disse.

VAVEL Logo