São Paulo decide título da Libertadores Sub-20 diante do Liverpool-URU
Foto: Igor Amorim/ São Paulo FC

São Paulo decide título da Libertadores Sub-20 diante do Liverpool-URU

Tricolor busca na noite deste domingo (14) o primeiro título brasileiro na competição

cairesluciano
Luciano Caires Júnior
São PauloPerri, Foguete, Maidana, Kal e Inácio; Banguelê, Artur e Lucas Fernandes , David Neres, Luiz Araújo e Pedro.
Liverpool-URURodrigo Rodríguez; Emanuel Machado, Facundo Mallo, Pablo González, Juan Ramírez; Nicolás de la Cruz, John Pintos, Santiago Laport, Cristian Sención; Enzo Romero e Lautaro de Amores.
INCIDENCIASPartida válida pela final da Libertadores da América Sub-20. Realizada no Estádio Defensores Del Chaco, em Assunção, no Paraguai.

Uma "reedição" da final do Mundial de Clubes de 2005 irá acontecer na noite deste domingo (14) no Paraguai. O São Paulo enfrenta na final da Libertadores da América Sub-20 o Liverpool, mas obviamente não será o inglês, já conhecido da torcida são-paulina, mas sim, o da cidade de Montevidéu no Uruguai. A partida será realizada no saudoso Estádio Defensores Del Chaco.

O São Paulo garantiu sua classificação na Libertadores Sub-20 ao vencer no ano passado a Copa do Brasil da categoria, após duas vitórias por 2 a 0 sobre o Atlético-PR. O Tricolor é o primeiro clube a chegar na final da competição continental da base, que está em sua terceira edição. O primeiro campeão do torneio foi o Universitário do Peru no ano de 2011. No ano seguinte o vencedor foi o gigante River Plate da Argentina. E após ficar três anos sem ser disputada, a competição voltou neste ano.

Destaque desde a Copinha, Lucas Perri enaltece seu crescimento 

O São Paulo começou a Libertadores com um empate por 1 a 1, diante do Libertad. Na partida seguinte veio o show são-paulino, ao aplicar um sonoro 8 a 0 no Independiente Del Valle do Equador. Na última partida pelo grupo B, mais uma vitória larga por 3 a 0 diante do desconhecido Melgar do Peru.

Já nas semi-finais, diferentemente das partidas anteriores, o São Paulo enfrentou uma equipe de peso: o Lanús da Argentina. Com vinte minutos jogados os comandados de André Jardine já perdiam por 2 a 0 para os hermanos. O Tricolor não fazia uma boa partida, até o artilheiro da competição Luiz Araújo acertar um belo chute de fora da área e diminuir o placar. Antes do intervalo o Lanús teve um jogador expulso e o São Paulo ainda arrancou o empate com David Neres. Na segunda etapa, Pedro garantiu a classificação à final do torneio.

Dentre os grandes destaques da equipe até o momento, está Lucas Perri de apenas 18 anos. O goleiro que vem fechando o gol na Libertadores Sub-20 chegou a treinar com a equipe profissional do tricolor em 2015.

"O ano passado foi muito importante para mim, fiz muitos jogos e pude pegar mais experiência. Estar jogando jogos importantes, com erros e acertos decisivos, me engrandeceu para chegar bem neste campeonato importante. A gente, desde o começo do ano de 2015, nunca se ateve a um único jogador, a individualidades, todos sempre jogaram pelo grupo, formando um coletivo forte. O fato de estar na terceira final, quase consecutiva, tirando a Copinha, fortalece e amadurece o grupo", afirmou o goleiro de 18 anos.

Mesmo sendo uma competição de base, Perri revelou que até no Sub-20 a Libertadores da América é "diferente". Ele ainda revelou como tem sido o convívio com o preparador de goleiros Haroldo, que por 14 anos foi o preparador da equipe profissional, e agora trabalha na base.

"A intensidade dos jogos, a atenção que tem que entrar desde o início da partida, é muito maior que as competições nacionais. Diante do Lanús não entramos bem e eles entraram muito forte. Depois do 2 a 0, colocamos a bola no chão, fizemos o que temos de melhor e revertemos", afirmou.

"Ele tem muita experiência, me passa muitas dicas e o trabalho diário com ele tem me feito evoluir", concluiu.

Lucas treinou com o elenco profissional do São Paulo no ano passado (Foto: Igor Amorim/ São Paulo FC)

Nicolás de la Cruz é a grande promessa uruguaia

O Liverpool do Uruguai, apesar de ser desconhecido, comemorou seu centenário no ano passado, entretanto, o maior título de sua história é da segunda divisão do Campeonato Uruguaio.

O clube iniciou sua campanha na Libertadores Sub-20 vencendo os donos da casa do Cerro Porteño, pelo placar de 2 a 1. Na segunda partida veio a derrota dolorosa por 3 a 0 diante do Lanús, time eliminado pelo São Paulo nas semi-final. Já na última partida pela primeira fase veio o maior placar de toda Libertadores: 12 a 0 sobre o Bolívar.

Nas semi-finais os uruguaios enfrentaram os colombianos do Cortuluá. Após um apático 0 a 0 no tempo normal a vaga para a final foi decidida nas penalidades. O resultado foi de 7 a 6 para o Liverpool, que também está atrás do primeiro título na competição para seu país.

A grande esperança de conquistar o título está nos pés do garoto Nicolás de la Cruz, de apenas 18 anos. Nicolás chegou ao Liverpool em 2011, após indicação de seu irmão Carlos Sánchez, campeão da última Libertadores pelo River Plate.

Após vencer o Campeonato Uruguaio Sub-16 em 2013 e o Sub-19 em 2015, o jogador foi integrado à equipe principal do Liverpool em setembro do ano passado. Disputou 11 partidas da liga nacional mas não marcou nenhum gol. Nicolás também coleciona presenças pela Seleção Uruguaia Sub-17 e Sub-18.

Sem muito destaque na equipe principal, foi relacionado para a disputa da Libertadores Sub-20, onde vem se destacando. Ele chega para a decisão como vice-artilheiro da competição, com quatro tentos marcados, somente um gol a menos que o são-paulino Luiz Araújo.

Nicolás de la Cruz tem sido o principal jogador da equipe do Liverpool-URU (Foto: Divulgação/ Conmebol)
VAVEL Logo