Gilberto brilha e São Paulo goleia Ponte na estreia de Ceni como técnico no Morumbi
Destaque para o atacante Gilberto, que marcou três gols na partida (Foto:Divulgação / São Paulo)

Na tarde deste sábado (12), o São Paulo enfrentou pela segunda rodada do Campeonato Paulista a Ponte Preta. O jogo aconteceu no estádio do Morumbi e foi marcado pela estreia de Rogério Ceni como comandante Tricolor em jogos em casa.

O São Paulo veio de uma derrota por 4 a 2 contra o Audax na última rodada e de um jogo com placar de 1 a 0 contra o Moto Club do Maranhão pela Copa do Brasil, já a Macaca vinha de duas vitórias, uma contra a Ferroviária por 2 a 1 e uma contra o Campinense por 2 a 0 também pela Copa do Brasil.

Com três gols de Gilberto, a equipe São Paulina goleou a Ponte pelo placar de 5 a 2 e agora enfrentará o Santos, na próxima quarta-feira (15). Já a equipe de Campinas, enfrentará o Botafogo–SP também na quarta-feira (15).

Ponte abre o placar, mas Tricolor vira o jogo

Estava tudo perfeito para a estreia de Rogério Ceni nos gramados do Morumbi. A torcida não deixou de comparecer para desejar boas vindas ao novo comandante e 50.952 ingressos foram vendidos para a partida.

Os primeiros minutos foram quentes para ambos os lados, aos dois minutos, Jeferson sofreu falta na entrada da área, ou seja, falta perigosa para a Macaca. Lucca cobrou, porém Sidão defendeu sem grandes sustos. As equipes estavam nervosas no começo de partida, aos três minutos Júnior Tavares sofreu falta, no minuto seguinte, Bruno foi derrubado.

Apesar das faltas, o jogo seguiu com as duas equipes tocando bola e tentando avançar, o São Paulo acertava mais os passes, mas não conseguia chegar. O primeiro lance de grande perigo foi aos 14 minutos, Cueva invadiu a área, conseguiu se desvencilhar de Fabio Ferreira e arriscou, mas Aranha fez uma excelente defesa.

O Tricolor estava melhor na partida, mas após roubada de bola. Aos 21 minutos, Lucca mandou para Potker, ele encontrou Matheus Jesus livre e o garoto não desperdiçou, mandou uma bomba para o fundo das redes tricolores, Sidão até tocou na bola, mas não defendeu. Ponte Preta 1 a 0.

A Macaca pegou gosto da partida e após outro erro de meio-campo, Lucca recebeu cruzamento na área e mandou outra bomba, dessa vez o arqueiro São Paulino defendeu.

Após o lance, contra-ataque São-Paulino, Gilberto invadiu a área e chutou, Aranha defendeu e no rebote, Cueva estava lá para deixar tudo igual. 1 a 1 com a Ponte Preta aos 32 minutos de jogo.

O time de Rogério Ceni se animou com o gol e passou a sufocar a equipe de Campinas, aos 35 minutos Rodrigo Caio sozinho dentro da área chutou, Aranha saiu mal e a bola só não entrou porque Nino Paraíba tirou em cima da linha.

No minuto seguinte, Cueva tocou a bola para Bruno dentro da área, o lateral cruzou, porém ninguém conseguiu finalizar, a equipe da casa estava querendo muito o segundo gol, que não demorou a vir.

Aos 43 minutos, o peruano Cueva deu um lindo passe para Gilberto, que de dentro da área mandou a bomba, Aranha tentou fazer a defesa, mas a bola passou pelo meio das pernas do goleiro. O Tricolor conseguiu virar a partida e ganhava por 2 a 1.

Gilberto marca mais dois gols e Tricolor goleia a macaca

Os últimos 45 minutos começaram com atraso já que Rogério Ceni demorou para voltar com a equipe a campo. O árbitro disse que colocaria na súmula pós-jogo.

A pressão continuou em cima da Ponte. Aos 50 minutos, Thiago Mendes encontrou Luiz Araújo livre, deu um lindo passe para o atacante que disparou na grande área e ficou cara a cara com Aranha, ao chutar o goleiro da Macaca fez excelente defesa.

Aos 57 minutos, Fábio Ferreira errou feio ao afastar o cruzamento de Bruno, a sobra ficou com Thiago Mendes que encheu o pé e mandou do lado direito do goleirão ponte pretano. Um gol lindo, que ampliou o placar no Morumbi.

Após esse gol, a torcida se animou e deu um gás extra para o time e menos de um minuto depois, Luiz Araújo rolou para Gilberto dentro da área, o atacante, outra vez não desperdiçou e aumentou o placar. Antes da bola entrar, Nino Paraíba acabou dando um pequeno toque de desvio na bola.

A goleada estava encaminhada, mas se enganou quem pensou que o São Paulo iria somente segurar o resultado, o Tricolor continuou indo pra cima em busca de mais. Aos 69 minutos, outra vez Gilberto, o atacante estava inspirado hoje, aproveitou falha da zaga adversária e arriscou, mas dessa vez Fábio Ferreira parou a jogada.

Já aos 70 minutos, Gilberto não desperdiçou e anotou o terceiro dele na partida. Após cobrança de escanteio, a bola resvalou em Maicon, passou por Aranha e foi parar nos pés do camisa 17 Tricolor, que só empurrou para o fundo das redes. São Paulo 5 a 1, a goleada já estava definida.

Os mais de 50 mil torcedores presentes começaram a gritar olé, o time mandante seguia pressionando, o técnico Ceni se irritava com erros dos jogadores, a Ponte Preta se defendia o melhor que podia e o jogo foi se encaminhando para os minutos finais.

Aos 84 minutos, João Schmidt errou e deu a bola de graça para o ataque ponte pretano, Lins mandou o dele, Sidão defendeu e no rebote sobrou para Lucca diminuir e marcar o segundo gol da Macaca. Não havia tempo para mais nada e o árbitro encerrou o jogo. Goleada São-Paulina por 5 a 2 na estreia de Ceni como mandante.

VAVEL Logo