Grêmio pretende reestruturar instalações da base por meio da Lei de Incentivo ao Esporte
CT Hélio Dourado é o local que abriga as categorias de base do Grêmio (Foto: Henrique König / VAVEL Brasil)

O Grêmio está trabalhando na estruturação dos pilares da sua categoria de base. Com aprovação do Ministério do Esporte, o Projeto Base está apto a receber por meio da Lei de Incentivo ao Esporte, recursos financeiros para a reforma das instalações usadas para formar as futuras joias gremista, através da dedução do Imposto de Renda de pessoa física e jurídica.

Lançado em novembro de 2016, o Projeto Base tem por iniciativa preparar uma boa estrutura para abrigar o sonho dos meninos que querem ser jogadores de futebol. Para isso, o Clube pretende reformar as estruturas do CT Hélio Dourado, que já abriga as categorias de base do tricolor, através da Lei de Incentivo ao Esporte.

Sancionada em 29 de dezembro de 2006 e implementada em 2007, a Lei nº 11.438, a chamada Lei de Incentivo ao Esporte visa apoiar projetos voltados à prática esportiva por meio de doações ou patrocínios, usando para isso um percentual a ser descontado do valor devido ao Imposto de Renda. Assim, pessoas jurídicas podem deduzir até 1% do imposto devido, enquanto pessoas físicas têm benefício de até 6%.  

O projeto Base é divido em cinco fases. A fase I, que prevê a construção de um alojamento de 2 pavimentos com capacidade para abrigar 80 atletas e um refeitório com capacidade de atender 198 atletas simultaneamente, já foi aprovada pela Comissão Técnica da Lei de Incentivo ao Esporte. O projeto orçado em R$ 8.144.847,80, teria até o fim do ano de 2016 para captar o recurso. No entanto, o Grêmio entrou com um pedido de prorrogação de prazo de captação, que foi acolhido pela Comissão Técnica de Esporte em janeiro deste ano, o que garante a extensão de data para a captação do valor até 31 de dezembro de 2017.

Em entrevista, o coordenador técnico da equipe de planejamento Carlos Alberto de Souza, ressaltou a importância do projeto: “A construção desse Centro de treinamento é fundamental para o desenvolvimento desses garotos que sonham em ser jogadores profissionais de futebol”.

Ainda segundo Souza, o desenvolvimento do projeto também irá surtir efeitos positivos tanto na melhoria de vida dos futuros atletas, como na de suas famílias. Ainda de acordo com Souza, se o objetivo do Clube for alcançado, as obras deverão iniciar em março de 2018 com previsão de conclusão em junho de 2019.

A reformulação do CT Hélio Dourado

Localizado em Eldorado do Sul, na Região Metropolitana de Porto Alegre, o Centro de Treinamento Hélio Dourado é sede de todas as competições estaduais das categorias de base. Atualmente, o CT conta com 1 estádio, 6 campos oficiais e 2 campos de apoio. É neste local que são lapidados os futuros craques do clube.

Com a iniciativa do Projeto Base, está prevista em cinco fases, a construção de alojamentos, refeitórios, áreas de treinamento e recuperação, prédio administrativo, área de imprensa e um ginásio de futebol society coberto, com gramado sintético.

A fase inicial, já aprovada, será responsável pela construção de alojamento e refeitório. A próxima etapa do projeto contempla a construção de um segundo alojamento (prédio de 2 pavimentos para abrigar mais 40 atletas). A terceira fase irá implantar áreas de treinamento e recuperação (academia, fisioterapia, vestiários, salas médicas, piscina coberta aquecida, almoxarifado esportivo e rouparia).

A quarta fase contará com a estruturação de um prédio administrativo com gabinetes, salas de reuniões, sala para desenvolvimento das atividades do serviço psicossocial e sala de imprensa. E por fim, na fase V, ginásio de futebol society coberto, com gramado sintético.

VAVEL Logo