Solidez defensiva é arma do Santa Cruz para manter invencibilidade em 2017
Goleiro Júlio César veio do rival Náutico e exalta trabalho coletivo da defesa (Foto: Rodrigo Baltar/Santa Cruz)

A atuação não é das melhores até o momento, deixando os torcedores insatisfeito com a oscilação. Ainda assim, o Santa Cruz consegue fazer bons números para motivar a torcida. Dono da pior da defesa da Série A de 2016, o Mais Querido trabalhou forte, reformulou o setor e agora, modificado, vem agradando mais.

Prova disso foi a contratação de três peças para o sistema defensivo, o calo da equipe na temporada passada. No gol, Tiago Cardoso deixou o clube rumo ao rival Náutico; em contrapartida, anunciou a chegada de Júlio César, que estava defendendo o alvirrubro. Na miolo da defesa, Jaime e Bruno Silva formam uma dupla consistente, sendo a segunda menos vazada junto ao CRB e ao Campinense na Copa do Nordeste, perdendo apenas para o Bahia.

Tal consistência foi bastante elogiada pelo goleiro coral, que ressalta a dedicação de todo o grupo para uma postura mais segura. Segundo o camisa 1, o empenho coletivo demonstrado dentro de campo faz com que a torcida tricolor tenha mais confiança, pois os homens de frente também ajudam na marcação, exaltando o técnico Vinícius Eutrópio.

Treinador comemora boa fase da defesa tricolor no início de temporada (Foto: Rodrigo Baltar/Santa Cruz)
Treinador comemora boa fase da defesa tricolor no início de temporada (Foto: Rodrigo Baltar/Santa Cruz)

"Quando o goleiro não toma ou toma poucos gols, todos os jogadores são responsáveis por isso. Tenho que citar todos meus companheiros, desde o de lá da frente até os zagueiros, uma vez que estão apoiando muito e a gente tem dado poucas chances aos adversários. Tudo que está acontecendo é por causa dele. Ele soube armar a equipe e passou informações preciosas como os adversários jogam", afirmou Júlio, com o treinador da Cobra Coral dividindo também os méritos com o elenco, principalmente após o empate contra o Sport.

"É importante que a equipe se consolide nesse sentido. Estamos quase fechando fevereiro e tomamos apenas cinco gols nesses jogos. Demos poucas oportunidades aos adversários e, a cada partida, o nosso time está crescendo. Isso mostra que o grupo vem mostrando consistência e conseguindo ter bom rendimento", complementou Eutrópio.

Os pernambucanos voltam a jogar, na 4ª rodada do Nordestão, no fim de semana. O escrete da Beberibe vai enfrentar o Uniclinic na tarde do sábado (25), às 16h30, no Domingão em Horizonte. O embate seria no estádio Presidente Vargas, em Fortaleza, porém os laudos técnicos não foram apresentados.

VAVEL Logo