Corinthians conquista virada no fim e bate Kindermann no Brasileirão Feminino
Foto: Divulgação / Corinthians

Os 45 minutos finais da partida entre Corinthians e Kindermann não poderiam ter sido mais emocionantes. Após um início de jogo morno, quando a equipe da cidade de Caçador pouco ameaçou as donas da casa, a segunda etapa foi equilibrada e cheia de grandes lances e oportunidades para ambos os lados. Na partida realizada nesta segunda-feira (20), na Arena Barueri, que encerrou a segunda rodada do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino, marcaram para o time da capital paulista Juci, Grazi e Gabi Nunes, enquanto Carla e Carol (contra) descontaram para o aurinegro catarinense, em placar final de 3 a 2.

Empatado em pontos com o Iranduba (AM), que também segue invicto na competição, o Corinthians é agora líder do Grupo 1 graças ao seu saldo de gols. Na próxima rodada, o Timão irá enfrentar o Grêmio, no Rio Grande do Sul, para tentar conquistar mais três pontos e manter a melhor campanha do Brasileirão.

Já o Kindermann, que não somou pontos ainda, é o 7º colocado do Grupo 1, à frente do São Francisco apenas por seu saldo de gols. No domingo (26), a equipe catarinense volta a jogar em casa, no Carlos Alberto Costa Neves, onde enfrentará o Sport, abrindo a terceira rodada do campeonato na tentativa de conquistar um resultado positivo.

Jogo morno e controle alvinegro no primeiro tempo

Os primeiros minutos de jogo na Arena Barueri foram marcados por um certo equilíbrio no nível de ambas as equipes. A criação de jogadas partia do lado do Kindermann, que mesmo assim não oferecia grande perigo ao Corinthians. Em seu primeiro lance de ataque, no entanto, o Timão foi mais efetivo, chegando com perigo à meta adversária, mas a goleira Bárbara fez grande intervenção, impedindo que a bola entrasse.

Mesmo assim, não demorou muito para que o alvinegro conseguisse superar a defesa catarinense. Aos 12 minutos, em uma cobrança de falta na entrada da área, a camisa 6, Juci, realizou excelente batida, abrindo o placar para a equipe da casa. O Kindermann teve a oportunidade de igualar o placar logo na sequência após a marcação de um pênalti, mas Tuany mandou a bola para fora.

A falha na cobrança da jogadora do Kindermann acabou causando uma troca de provocações entre as atletas das duas equipes, o que culminou num pequeno tumulto, logo dispersado pelo árbitro da partida. O jogo tomou sequência e, em duas oportunidades, a zagueira Mimi finalizou mal, perdendo a chance de apliar para o Corinthians. Em outras chegadas do Timão, no entanto, Barbará foi a responsável por salvar a equipe de Santa Catarina de sofrer mais gols na primeira etapa.

Temperatura aumenta e Corinthians e Kinderman fazem grande fim de jogo

Já no segundo tempo, os minutos iniciais eram visivelmente mais tranquilos do que na etapa anterior. Para dar maior movimentação a partida, os treinadores decidiram que era o momento ideal para modificar suas equipes. Mas foi nas alterações promovidas por Jorge Barcelos que surgiram os efeitos mais rápidos. Aos 27 minutos, a atacante Carla, mandou belíssima bola de fora da área, acertando a meta corinthiana e igualando o placar em Barueri.

A empolgação tomou conta da equipe aurinegra, que virou logo na sequência, com gol contra de Carol após boa jogada de Duda pela lateral. O Corinthians, inconfromado com a virada após um primeiro tempo morno e, em parte, bem controlado, ao sentir o golpe acordou novamente para o jogo. Em cruzamento de Yasmim para Grazi, a meia finalizou com força. A bola passou pela goleira Bárbara e, em seguida, entrou no gol, igualando o placar.

A virada corinthiana veio apenas nos últimos minutos de jogo. Gabi Nunes, que já havia criado grande oportunidade pouco antes cabeceou e, com um desvio dentro da pequena área, mandou a bola para o fundo das redes, decretando o placar final de 3 a 2 para a equipe do Parque São Jorge.

VAVEL Logo