Salgueiro bate Central e garante liderança do Campeonato Pernambucano
Foto: Paulo Barbosa/Especial à VAVEL Brasil

O Salgueiro segue fazendo história a nível estadual. O time comandado por Evandro Guimarães venceu o Central por 2 a 0 neste domingo (26), no Estádio Antônio Inácio, em Caruaru, com gols do meia Valdeir e do lateral-esquerdo Daniel. Este resultado, combinado com o empate em 1 a 1 no Clássico das Multidões entre Sport e Santa Cruz, na Ilha do Retiro, garantiu a liderança do Hexagonal do Título do Campeonato Pernambucano de 2017 aos salgueirenses com duas rodadas de antecedência.

Agora, o Carcará soma 19 pontos contra 13 do Leão da Ilha e 13 da Cobra Coral. Os sertanejos têm seis vitórias e não podem mais ser alcançados por Sport e Santa, que acumulam três vitórias cada. O quarto colocado, o Náutico, tem 12 pontos. Estas quatro equipes já estão garantidas matematicamente nas semifinais, pois Belo Jardim e Central possuem apenas cinco e três pontos, respectivamente.

Na nona jornada, o Salgueiro visita o Sport na Ilha do Retiro, em duelo marcado para as 20h da segunda-feira da próxima semana, dia 3 de abril. Na quarta-feira a seguir, dia 5, Náutico x Central e Belo Jardim x Santa Cruz fecham a rodada.

Carcará agrava crise da Patativa

A fase do Central não é das melhores. A equipe soma apenas três pontos e está na lanterna do Hexagonal do Título. A única vitória na fase derradeira do Campeonato Pernambucano veio na sexta rodada: 4 a 1 sobre o Belo Jardim. Na semana anterior ao jogo contra o Salgueiro, um grupo de jogadores do elenco centralino não treinou devido aos dois meses de salários atrasados e decidiu paralisar as atividades até que a pendência seja regularizada.

De acordo com a imprensa caruaruense, estão no grupo os volantes Naldinho, Vágner Rosa e Bruno, o meia Arthur e o atacante Azul. O clube teve de recorrer a atletas das categorias de base para completar o plantel do duelo frente ao Carcará.

Em resposta à crise, o presidente da Patativa, Licius Cavalcanti, amenizou a situação. "Apenas um grupo de jogadores está com salários atrasados há algum tempo. Demos oportunidade aos jogadores, temos ajudado alguns jogadores jovens, e agora estão cobrando. Isso é absurdo. Apenas um grupo se rebelou. A tranquilidade impera no Central", disse em entrevista ao portal Globo Esporte.

Dentro de campo, o Carcará de Aço tomou a iniciativa e inaugurou o marcador aos 25 minutos da primeira etapa. Rodolfo Potiguar fez jogada em velocidade, cruzou à área e viu Valdeir completar às redes de cabeça.

Em vantagem no placar, os visitantes controlaram o jogo ao seu gosto. Já os mandantes procuraram ter cautela para não se expor e jogaram visando os contra-ataques.

A superioridade técnica do escrete salgueirense foi reforçada no segundo tempo. Mais precisamente aos 28 minutos, quando Daniel tocou na saída do goleiro Dênis e deu números finais à peleja. Mais uma vitória para o ascendente Salgueiro, mais uma derrota para o desesperado Central.

VAVEL Logo