Botafogo quebra tabu e vence Atlético Nacional pela Libertadores
Divulgação Conmebol

Botafogo luta muito, consegue atuação espetacular no primeiro tempo e derrota o atual campeão da Copa Libertadores, o Atlético Nacional, por 2 a 0, na noite desta quinta-feira (13), em pleno Estádio Atanasio Girardot, em Medellín. Com o resultado, o Glorioso quebra o tabu de 44 anos sem vencer fora de casa pela Copa libertadores e segue 100% na fase de grupos, dividindo a ponta do Grupo 1 com o Barcelona-EQU, com 6 pontos.

O Botafogo fez um jogo tranquilo, com muita dedicação na defesa e com os jogadores extremamente dedicados na marcação, conseguindo assim, segurar as investidas do time colombiano. Na primeira etapa, aos 39 minutos, em contra-ataque rápido e eficiente, João Paulo cruzou para Camilo, que estava livre na área, e só teve o trabalho de empurrar para o gol. O camisa 10 do alvinegro, marcou seu primeiro gol em 2017.

No segundo tempo, o Botafogo recuou o time, chamando o Atlético Nacional para jogar no campo de ataque e sofreu pressão na maior parte da segunda etapa. Mas com seu setor defensivo jogando muito, o Glorioso conseguiu segurar a pressão e no fim, em contra-ataque, Guilherme deu o golpe final e garantiu a vitória alvinegra na partida.

O técnico Jair Ventura, pôde observar uma excelente partida do meio campista João Paulo, do volante Bruno Silva e do jovem Emerson Santos, que atuou na lateral direita. A baixa desta partida, foi a saída do atacante Rodrigo Pimpão no início da segunda etapa, com dores na virilha esquerda.

Com o resultado da partida, o Botafogo continua na liderança com 6 pontos, ao lado do Barcelona de Guayaquil, com a mesma pontuação. O Atlético, juntamente com o Estudiantes, se encontra em uma situação mais complicada no grupo e seguem sem pontuar na competição.

O Glorioso volta a campo no domingo para encarar o Vasco, com um time repleto de reservas, pela decisão da Taça Rio, no Estádio Nilton Santos. O próximo compromisso pela Libertadores será justamente contra o líder Barcelona-EQU, em Guayaquil, na quinta-feira, às 21h45 (horário de Brasília).

VAVEL Logo