Diretoria do Náutico evita reforços e prioriza pagamento de salários atrasados
Atletas do Timbu ainda esperam vencimentos dos últimos dois meses (Foto: Léo Lemos/Náutico)

Com os fracassos no primeiro semestre do ano 2017, eliminação precoce na Copa Nordeste 2017 e na semi final do Pernambucano 2017, o Náutico só voltará aos gramados dia 6 de maio, pela disputa do 3ª lugar no Pernambucano, contra o Santa Cruz, valendo a vaga para Copa Nordeste 2018. Mas a preocupação da torcida alvirrubra são com salários dos jogadores, funcionários e o planejamento da equipe para série B. 

De acordo com o vice-presidente de futebol, Emerson Barbosa, que os esforços estão sendo feitos para conseguir resolver o mais rápido possível este problema. A tarefa não é fácil. Mas uma estratégia que pode ser usada pelo clube é adiantar algumas cotas de patrocínio.

"Vamos tentar viabilizar o adiantamento de algumas cotas para poder sanar parte desses problemas. A situação é delicada e exige esforços. Eu não estou sozinho trabalhando nisso. Conversei com os atletas e expliquei que não posso ficar prometendo datas, tudo tem de ser com transparência. Até porque não temos uma cota já presente nos cofres do clube. Se fosse assim, era só transferir e efetuar o pagamento.

O clube alvirrubro só realizou o pagamento dos jogadores e funcionários ligados ao futebol só salários da carteira de trabalho referentes aos meses de janeiro e fevereiro. Os atletas também não receberam o dinheiro do direito de imagem que representam a metade do salário em alguns casos.

“São várias questões. Tem os atletas remanescentes, os que chegaram. Cada um tem sua particularidade, por isso prefiro não entrar em detalhes. O mais importante é que existe o passivo, temos ciência e estamos trabalhando diuturnamente para solucioná-lo. A prioridade número 1 é regularizar atletas, comissão técnica e funcionários e ter o salário em dia. Isso eu não abro mão. Queremos trazer a tranquilidade financeira para o departamento, mesmo que o recurso não venha a resolver todos os problemas atrasados, mas queremos estabelecer uma relação de credibilidade entre direção, atletas, funcionários e comissão”, disse Barbosa, sem dar prazos. 

VAVEL Logo