Em confronto direto por G-4, Ceará e Santa Cruz duelam em clássico regional
Foto: Christian Alekson/CearáSC.com

Apesar de bem posicionados na tabela, Ceará e Santa Cruz não fazem um início empolgante, sem conseguir motivar os torcedores. Em duelo a ser realizado na noite desta terça-feira (13) pela 7ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro 2017, às 21h30, os times se reencontrarão em clássico regional na Arena Castelão, em Fortaleza, após partida nas quartas de final da Copa do Nordeste, com o Santa levando a melhor e sendo o campeão da competição na oportunidade.

Com campanha irregular e tentando maior estabilidade na competição nacional, o Vozão busca chegar ao G-4, ainda que não dependa apenas de si para tal. Motivação, entretanto, não falta à equipe alvinegra, pois bateu o Brasil por 3 a 2 fora de casa com os momentos finais bastante eletrizantes, indo assim à 6ª colocação e somando dez pontos ganhos.

O Mais Querido, por outro lado, visa se reabilitar na Segundona depois de deixar o grupo de acesso à elite. Nos últimos jogos, contra o Goiás e o Londrina, os pernambucanos não tiveram boa apresentação e foram derrotas. Diante do Tubarão, na última sexta-feira (9), os corais tiveram uma atuação pouco inspirada e perderam por 3 a 1, que ocasionou a saída de Vinícius Eutrópio e os deixou na 7ª posição, com nove pontos.

Ceará com mudanças em todos os setores

Para tentar chegar ao segundo triunfo consecutivo e embalar na tabela de classificação, o Ceará não vai repetir a escalação da última rodada. Muito se deve por contar com os retornos do meio-campo Pedro Ken e o atacante Magno Alves, que não atuaram diante do Brasil. Enquanto o meio-campista cumpriu suspensão, o experiente volta após pedir para ser poupado da longa viagem.

Em contrapartida, o comandante Givanildo Oliveira perdeu outros dois jogadores por contusão. O zagueiro Luiz Otávio, que saiu de campo na última partida sentindo a virilha, foi vetado pelo departamento médico e vai ser substituído por Valdo, sendo o companheiro de Rafael Pereira na dupla de zaga.

Camisa 1 do Vozão mostra motivação para partida após atingir marca de 100 jogos (Foto: Divulgação/Ceará)
Camisa 1 do Vozão mostra motivação para partida após atingir marca de 100 jogos (Foto: Divulgação/Ceará)

Já Elton, recém-contratado pelo Vozão para a competição, continua em tratamento para cuidar de um desconforto na coxa esquerda e segue como desfalque. Com sua saída, o treinador alvinegro opta por mexer o esquema tático, colocando o time no 4-4-2, deixando Felipe Menezes na zona de armação. Assegurado entre os 11, o goleiro Éverson fez 100 jogos contra o Xavante no último compromisso, o que o deixa disposto a ajudar a equipe diante dos corais.

"Estamos no caminho certo. Agora, já teremos o Santa Cruz pela frente na próxima rodada. É hora de vencer e entrar no G-4 para permanecer nele até o fim da temporada, mas será uma partida bem complicada e contra uma equipe que precisa do resultado. Procuraremos fazer uma boa apresentação, para conquistar os três pontos e embalar de vez na Série B", declarou o arqueiro.

Santa tenta reabilitação com novo comando

A sequência de duas derrotas e a saída do G-4 culminaram na mexida do comando do Santa Cruz. Vinícius Eutrópio foi demitido, juntamente à pressão da torcida, por opção da diretoria, fazendo com que Adriano Teixeira assumisse interinamente e já tivesse que promover mudanças no time titular.

Duas dessas serão na zaga, já que Anderson Salles e Bruno Silva foram vetados por contusão e não viajaram ao Ceará. Com isso, os prováveis substitutos são Jaime e Eduardo, formando o setor junto a Roberto na lateral-esquerda e Júlio César no gol, assegurados entre os titulares. Já na lateral-direita, uma dúvida por conta de alteração no meio-campo.

Meia-atacante Thiago Primão deve seguir como titular diante do Ceará (Foto: Rodrigo Baltar/Santa Cruz)
Meia-atacante Thiago Primão deverá seguir como titular diante do Ceará (Foto: Rodrigo Baltar/Santa Cruz)

O volante David pediu desligamento com a demissão do ex-treinador e é outra ausência, com Gino e Wellington Cézar disputando pela vaga. A interrogação na lateral é causada pela concorrência entre o uruguaio e o jovem da base Nininho, que vinham atuando na função. De restante, os atletas devem ser os mesmo que iniciaram contra o Londrina, mas a confirmação só sairá momentos antes.

"A gente sabe que temos alguns problemas, mas temos que definir 45 minutos antes de começar o jogo. Tem algumas indefinições e iremos resolvê-los no decorrer da viagem e não se pode mudar muito. A gente teve pouco tempo para trabalhar, porém temos alguns machucados e outros cansados, mas a gente vai tentar fazer o melhor. O momento é de conversa", disse o interino.

VAVEL Logo