Jorginho vê empate justo diante do Coritiba
Coritiba e Bahia ficaram no 0 a 0 jogando no Couto Pereira (Foto: Divulgação/Coritiba)

O Bahia empatou em 0 a 0 com o Coritiba, nesta quinta-feira (16), e conquistou seu primeiro ponto longe da capital baiana no Brasileirão 2017. Em um jogo marcado por confusão envolvendo o atacante Kléber Gladiador e o volante Edson.

Logo após a partida, o técnico Jorginho concedeu entrevista coletiva e analisou o desempenho do time jogando no Couto Pereira. O treinador valorizou bastante o primeiro ponto conquistado fora da Fonte Nova.

“Valorizo muito esse um ponto, foi o primeiro fora, não estávamos conseguindo pontuar. Perdemos para o Grêmio jogando muito bem. Com certeza valorizo muito esse ponto, mas poderíamos ter saído aqui com a vitória também”, afirmou. 

Ainda segundo o treinador do time baiano, o time foi melhor que o Coritiba no segundo tempo e criou as melhores oportunidades de abrir o placar.“Precisávamos ter volume de jogo. Nos minutos finais eles fizeram pressão maior, mas fomos ousados, envolvemos a equipe do Coritiba no segundo tempo e acho que as melhores oportunidades foram nossas. Mas acredito que o resultado foi justo pelo jogo todo”, analisou.

Com o empate, o Bahia chegou aos 10 pontos e entrou no G6 do Brasileirão. O time ainda pode ser ultrapassado pelo Fluminense, caso a equipe vença o Grêmio nesta quinta-feira.

O “Esquadrão de Aço” volta a campo no próximo domingo, diante do Palmeiras, na Fonte Nova. O tricolor não poderá contar com Edson – expulso no jogo de hoje – além de Allione e Matheus Sales – emprestados pelo Palmeiras.

Para a partida do final de semana, Jorginho acredita que será um dos jogos mais complicados da temporada e convocou o torcedor para lotar o estádio e apoiar a equipe. “Se trata do melhor plantel, atual campeão. Quero convocar minha torcida. (Já) Sofri como treinador e jogador trabalhando contra o Bahia na Fonte Nova”, lembrou o comandante do Tricolor de Aço. 

VAVEL Logo