Róger Guedes esbraveja contra arbitragem após derrota diante do Santos: "Uma vergonha"

Na sétima rodada do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras sofreu mais uma derrota, dessa vez no Clássico da Saudade, para o Santos, que fez o gol com o atacante Kayke e venceu o jogo por 1 a 0. O time alviverde vinha de boa vitória contra o Fluminense por 3 a 1, mas não conseguiu embalar com o resultado e pecou, mais uma vez, nas finalizações, que fizeram falta na hora que se precisou.

A arbitragem  foi muito contestada pelos jogadores alviverdes, com dois lances capitais no zagueiro Edu Dracena. O primeiro num lance de ataque do time praiano, onde Edu alega ter sido puxado e sofrido falta, que invalidaria o gol santista de Kayke. E o outro no ataque, quando Edu tentava chegar em um cruzamento de Raphael Veiga e foi puxado dentro da área, pedindo a penalidade máxima para o alviverde.

O atacante Róger Guedes saiu muito irritado de campo e foi o atleta que mais contestou a arbitragem. Ainda no gramado, o jogador desabafou e comentou também o panorama da partida, debaixo de seu ponto de vista.

"Não acho que o placar foi justo. Com todo o respeito, tem esse quinto árbitro que fica fazendo o quê do lado do gol? Foi falta no Dracena duas vezes: uma para ela fazer o gol e outra na defesa. Uma vergonha! Eles ficam do lado do gol para ficar bonito, ficar conversando com o banco de reservas, não é possível. Fico chateado com esses dois lances porque isso prejudica o clássico. A gente mereceu também o resultado. Tivemos mais chances, é ruim tomar um gol fora de casa e correr atrás do placar", disse Róger Guedes.

Com mais uma derrota no Campeonato Brasileiro, o Palmeiras não tem tempo para descansar e encara o Bahia na Arena Fonte Nova, às 16 horas do próximo domingo (18), pela oitava rodada da Série A.

VAVEL Logo