Breno desabafa após derrota do Vasco: "Nosso time só sabe jogar quando toma gol"
Breno em ação contra a Chapecoense (Arena Condá, Chapecó (SC)- Fotos: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br)

Tentando se estabilizar no campeonato, o Vasco foi à Chapecó visitar a Chapecoense e saiu derrotado, com os donos da casa vencendo a partida por 2 a 1. O jogo truncado foi o reflexo de duas equipes que não conseguiram ser efetivas no meio de campo e abusaram das bolas alçadas na área.

Zagueiro vascaíno, Breno criticou a postura da equipe e deu a entender que a derrota foi ocasionada pela falta de ímpeto durante a partida. "É difícil explicar. Nosso time só sabe jogar quando toma o gol. Demoramos para reagir, perdemos. Não tem nem o que falar. Perdemos", ressaltou o atleta. 

Ainda no primeiro tempo, Milton Mendes substituiu o jovem lateral-esquerdo Alan Cardoso - o atleta saiu de campo bastante chateado e chegou a chorar no banco de reservas - , que estava sendo improvisado na ponta esquerda, e colocou em campo o meio-campista Andrezinho, que há algum tempo não atuava com a camisa cruzmaltina. 

"Acho que a cada jogo a gente tem uma estratégia. Milton deixou claro qual era a nossa. Segurar a bola no primeiro tempo porque eles são fortes aqui, a torcida empurra bastante. Conseguimos empatar no primeiro tempo. Normal eles tomarem conta. Arthur foi muito feliz naquele chute, que nem é a perna boa dele. Temos que trabalhar para ter a mesma atuação dentro e fora de casa", disse o experiente atleta vascaíno, citando o belo gol marcado pelo atacante Arthur, da Chapecoense, quando o placar anotava 1 a 1.

VAVEL Logo