Buscando se manter no G-4, Chapecoense recebe Botafogo em jejum de vitórias
Foto: Vitor Silva/SS Press/Botafogo

Em momentos distintos, Chapecoense e Botafogo se enfrentam pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro neste domingo (18), às 16h, na Arena Condá. O Glorioso vem mal, de empate fora de casa contra o Vitória. Após abrir 2 a 0, a equipe de Jair Ventura cedeu o empate para o Leão. Já a Chape vem de vitória contra o Vasco por 2 a 1.

O Alvinegro carioca não vence há quatro jogos. São três empates, contra Flamengo, Coritiba e Vitória, e uma derrota, contra o Santos. No 13º lugar, a equipe carioca pode acabar a rodada até na zona de rebaixamento em caso de derrota. Se vencer, chega no máximo ao 6º lugar.

Já o Verdão d'Oeste vem oscilando e quer se firmar. Nos últimos quatro confrontos, duas vitórias e duas derrotas. No 4º lugar com 13 pontos, o time catarinense busca se manter por ali e se aproximar do líder Corinthians

Sem Rossi, Verdão busca segunda vitória consecutiva contra cariocas em Chapecó

A Chapecoense não terá o atacante Rossi para encarar o Botafogo. O atacante do Verdão do Oeste recebeu o terceiro cartão amarelo contra o Vasco na última rodada e é desfalque. Osman, que atuou em todos os jogos da Chape até aqui, deve ser o titular.

Niltinho e Túlio de Melo também se tornam opções para o técnico Vagner Mancini, que ressaltou a pontaria da Chape, que tem o terceiro melhor ataque do campeonato.

“Tem que tentar aperfeiçoar ao máximo a pontaria. A Chape é um do times que mais finaliza a gol e por isso exigimos muito dos goleiros adversários, e para isso temos que fazer trabalhos específicos. A sequência de jogo faz com que o atacante fique sem fazer o que mais gosta, que é finalizar muito, achar a batida na bola, felizmente nesta semana tivemos dois jogos em casa e fizemos um trabalho para eles”, afirmou Mancini.

Com volta de Guilherme, Botafogo busca recuperação no Brasileirão

O Glorioso terá a volta do meia Guilherme, que estava lesionado. O meia viajou e reforça o alvinegro carioca na partida desse domingo (18). Guilherme não atua há duas semanas e poderá jogar contra a equipe catarinense.

Jair Ventura não revelou a equipe titular, a dúvida fica por conta do meio-campo, é possível que o técnico opte por uma equipe mais ofensiva e substitua o volante Matheus Fernandes por Montillo. Com Botafogo vindo de resultados negativos, o clube viaja buscando sua primeira vitória fora de casa:

"Nosso time acostumou a sofrer. Contra o Vitória cedemos o empate após vencer por 2 a 0 e sabemos dos nossos erros. Já conversamos sobre isso e agora é continuar e levantar a cabeça. Todo mundo sabe o que precisa melhorar e o Jair vai corrigir isso. A vitória virá naturalmente. Ao mesmo tempo que nos incomoda, também estamos tranquilos para seguir trabalhando", projetou o volante Bruno Silva.

O jogador completou falando sobre sua volta à Chapecó após acidente, que atual no clube por dois anos até 2015, onde jogou 53 partidas e marcou cinco gols: “Pensei nisso ontem, voltar ao lugar que vivi por dois anos não será fácil. Tenho boas lembranças de lá, muitos amigos de frequentar a casa, sair para jantar. É complicado falar disso"

VAVEL Logo