Na estreia de Richarlyson, Guarani empata sem gols com Oeste
(Imagem: Flavio Costa/Oeste Barueri)

Guarani e Oeste se enfrentaram na noite desta terça-feira (20), em Campinas, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro Série B. As equipes empataram por 0 a 0. O Guarani perdeu o 100% no Brinco de Ouro e desperdiçou a chance de assumir a liderança, enquanto o Oeste continua sem vencer como visitante. 

Com o empate, o Bugre segue na vice-liderança do campeonato, com 16 pontos. A equipe paulista volta a entrar em campo em um confronto direito pela vaga no G-4, no próximo sábado (24), contra o Vila Nova, no Brinco de Ouro, às 16h30.

Já o Oeste vai ficando na décima quarta colocação, com 12 pontos em nove jogos. O Rubrão volta a campo pelo Brasileiro Série B no próximo sábado (24), Ceará, às 16h30, no Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza.

Primeiro tempo com muitas chances, mas placar não sai do zero

O Guarani foi quem começou pressionando. Aos cinco minutos, o Bugre teve sua primeira chance com Fumagalli. O meia recebeu em liberdade na intermediária, ajeitou e soltou a pancada com o pé direito. A bola quicou e passou perto da trave direita de Rodolfo.

Fumagalli voltou a aparecer aos 07 minutos, quando Lenon cruzou e o meia tocou de cabeça, mas mandou por cima do travessão. Aos 11 minutos, Fumagalli teve outra chance. Samudio lançou Nazário nas costas da marcação. Ele dominou e ajeitou para o camisa 10, que bateu de primeira. Rodolfo fez uma excelente defesa e mandou para escanteio.

O Oeste teve sua primeira chegada aos 12 minutos. Júlio César partiu em contra-ataque pela esquerda e lançou para Alexandro, livre do lado direito. O atacante invadiu a área e chutou cruzado, para boa defesa do goleiro do Bugre. Aos 17, o Guarani chegou ao ataque novamente com ele, Fumagalli. O meia recebeu de Eliandro e, do bico esquerdo da grande área, experimentou o chute colocado. O goleiro Rodolfo mandou para escanteio

Aos 22, Fumagalli apareceu de novo. O meia cobrou falta no canto esquerdo, e o goleiro saltou para mandar para escanteio. Aos 32, o Oeste tentou responder. Após troca de passes, e penetração na área, Betinho recebeu na risca da pequena área, limpou a marcação e bateu de canhota. Mas mandou a  bola sobre o travessão. O Oeste tentava pressionar, aos 34 teve outra chance de perigo. Cruzamento de Danielzinho na área encontrou Alexando, que, tentou o chute. Leandro Santos saiu do gol e dividiu com o atacante para evitar o gol do Oeste.

No final do primeiro tempo, cada time teve sua última chance da primeira etapa. Primeiro o Oeste, aos 44. Júlio César tentou o chute por cobertura na entrada da área, mas não conseguiu acertar o gol de Leandro Santos. Aos 46, Fumagalli lançou Samudio com a canhota. O paraguaio começou bem a jogada, ao tirar o zagueiro com um leve toque, mas depois bateu muito mal na bola e mandou por cima do gol.

Guarani pressiona para abrir o placar, consegue marcar o gol mas foi anulado

No segundo tempo, o Oeste que teve a primeira chance, em uma lambança. Salomão tentou uma jogada de efeito após cruzamento do Oeste e ajeitou de peito. Mas o toque por pouco não encobre Leandro Santos, que precisou tocar com a ponta do dedo para evitar o gol. Aos 10, o Bugre teve sua primeira chance. Eliandro arriscou de fora da área, para mais uma bela defesa de Rodolfo. E no rebote, Bruno Nazário arrisca o chute, mas é travado pela defesa.

Aos 11, sai o gol do jogo, só que foi anulado. Nazário cruzou para Eliandro, que bateu por cima do goleiro e marcou para o Guarani. Mas a posição do atacante era irregular. O Guarani continuava pressionando. Aos 16, Nazário recebeu de Samudio e bateu com curva, a bola tira tinta da trave direita de Rodolfo, quase que ela entra.

Aos 19 minutos, após escanteio ensaiado, a bola sobrou para Fumagalli, que bateu forte no alto. Rodolfo teve que se esticar para salvar o gol. Aos 37, Eliandro pegou sobra do lado esquerdo, levou a bola até a linha de fundo e cruzou na segunda trave. Auremir chegou de surpresa e cabeceou, mas Guilherme Romão mandou para escanteio. Aos 40 minutos, Evandro saiu para a estreia do volante Richarlyson. Aos 45, o Guarani teve a última chance do jogo, Jussani levantou a bola na área, Nazário arriscou uma cabeçada para trás, mas pegou mal na bola, sem força. O goleiro do Oeste novamente defende bem.

VAVEL Logo