Zagueiro Erazo sai do treino mais cedo e é punido pela diretoria do Atlético-MG
Erazo é punido pela diretoria e não enfrenta o Sport (Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG)

O zagueiro equatoriano Frickson Erazo foi punido pela diretoria do Atlético-MG por ter deixado o treinamento mais cedo e sem dar explicações para a diretoria do clube alvinegro. Com isso, Erazo acabou sendo multado pelo clube e fez atividades separadas do grupo profissional, como trabalhos na academia, seguido de um coletivo contra o time sub-17.

Nesta terça-feira (20), o zagueiro atleticano treinou pela manhã na Cidade do Galo. Apesar de fazer treinamentos separados, Erazo não foi afastado pela diretoria. A atividade separada faz parte de uma bateria de avaliações físicas e exames clínicos. O zagueiro tem apresentado um certo desequilíbrio muscular e algumas dores no joelho direito.

Na pré-temporada, Erazo sentiu dores no joelho e passou a primeira parte do semestre se recuperando da contusão no departamento médico do Atlético. Em seu último jogo disputado, Erazo sofreu duras críticas por parte da torcida após ter cometido um penalti em Kieza na partida contra o Vitória, em que o time mineiro saiu derrotado por 2 a 0. No jogo seguinte, o equatoriano não ficou sequer no banco de reservas, com a justificativa de que foi apenas uma opção técnico do treinador Roger Machado.

Erazo já disputou 47 partidas com a camisa alvinegra. Venceu 24, empatou 13 e perdeu 10. O zagueiro ainda não fez gol pelo Atlético

Nesta quarta-feira(21), o Atlético recebe o Sport pela nona rodada do Campeonato Brasileiro de 2017. O time vêm embalado após conseguir uma grande vitória sobre o São Paulo pelo placar de 2 a 1 e em pleno Morumbi. A lista de relacionado foi divulgada nesta terça-feira e o zagueiro Erazo não está relacionado para a partida.

As opções defensivas do técnico Roger Machado serão Rodrigão e Matheus Mancini. A novidade fica por conta de Roger Bernardo, que também pode atuar como um zagueiro e tem possibilidade de fazer sua estréia pelo Galo.

VAVEL Logo