Atlético-GO sai na frente, perde pênalti e cede empate ao Santos
Foto: Divulgação/Atlético-GO

O Atlético-GO recebeu o Santos, na noite deste sábado (01), no estádio Olímpico, em Goiânia, em partida válida pela décima primeira rodada do Campeonato Brasileiro. O Peixe entrou com time misto, poupando jogadores para a decisão da Libertadores. O Atlético-GO foi quem abriu o placar, com Andrigo, aos 12 minutos do primeiro tempo, no rebote de um pênalti defendido por Vanderlei, aos 06 minutos do segundo tempo, o Dragão ficou com um a menos, após a expulsão de Jorginho. O Peixe empatou com Thiago Maia, aos 23 do segundo tempo.

Com o empate, o Dragão segue na lanterna, mas acaba com a sequência de três derrotar consecutivas. A equipe de Goiânia está há quatro jogos sem ganhar. O Atlético-GO volta a entrar em campo no próximo sábado (08), no Serra Dourada, contra o Vitória.

Já o Peixe com o empate, vai dormir no G-4 para a Libertadores, o Santos vai ficando na quarta colocação. Mas a equipe paulista pode perder algumas posições até o final da rodada. O Alvinegro volta a entrar em campo pelo Campeonato Brasileiro, no próximo domingo (09), no clássico, contra o São Paulo, na Vila Belmiro.

Vanderlei pega o pênalti mas Andrigo aproveita a sobra, e abre o placar

O Santos foi quem começou no ataque, pressionando nos cinco primeiros minutos, mas nada que assustasse o goleiro Felipe. Ao contrário do Atlético-GO, que na sua primeira chegada, sofreu um pênalti. Everaldo lançou para Breno Lopes, e Vanderlei chegou atrasado e cometeu o pênalti. Na cobrança, Everaldo bate, Vanderlei defendeu mas no rebote, a bola sobrou para Andrigo que abriu o placar para o Dragão.

Aos 15 minutos, Daniel Guedes cobrou falta na área, e David Braz ganhou no alto, mas a bola passou por cima do gol de Felipe Garcia. Aos 16, o Atlético-GO respondeu. Luiz Fernando cobrou falta direto no gol e Vanderlei teve que se esticar todo para evitar que o Dragão ampliasse o placar.

O Atlético-GO tentava ampliar o placar pra ficar seguro na partida. Everaldo tocou para Andrigo, que se livrou da marcação de Caju e finalizou. A bola bateu na rede pelo lado de fora e assustou Vanderlei. Aos 30, Eduardo dá belo drible em Arthur Gomes e cruza na área. A bola passou por todo mundo, até ir pela linha de fundo.

Titulares do Peixe saem do banco para empatar a partida

Aos seis minutos do segundo tempo, o Atlético-GO teve sua principal chance de ampliar o placar. Andrigo recebeu livre na direita e cruzou para Breno Lopes, que livre, bateu e Vanderlei fez uma bela defesa para salvar o Peixe. Após o lance, Jorginho cometeu falta em Hernández, recebeu o segundo amarelo, e foi expulso.

E aos 23 minutos, Lucas Lima que havia saído do banco, dá assistência para Thiago Maia que também saiu do banco, empatar a partida. Abuda falhou na saída de bola, e Lucas Lima tocou para Thiago Maia, o volante ajeitou e mandou uma bomba de fora da área para empatar a partida.

O Santos se animou e tentou aproveitar que estava com um a mais, para virar o placar. Aos 33, Thiago Ribeiro avançou em velocidade pela direita, cruzou rasteiro e Vladimir Hernández finalizou muito alto. Aos 37, Lucas Lima lançou, Arthur Gomes cruzou, mas a zaga do time da casa cortou. Aos 43, Thiago Ribeiro, cruzou da direita para Vladimir Hernández, que novamente, bateu por cima. Aos 47, o Peixe teve sua última chance. Com Lucas Lima que arriscou uma bomba de fora da área, mas a bola passou por cima do gol de Felipe Garcia.

VAVEL Logo