Levir reprova postura do Santos em empate: "Ainda não está legal"
Foto: Ivan Sorti/Santos FC

Levir Culpi pediu mais vibração da equipe após o empate, neste sábado (01). Em entrevista coletiva, técnico falou que quer ver um time mais vibrante em campo. 

"Empatamos, mas não está legal ainda. Não é o que estamos procurando. Temos de ser mais vibrantes, principalmente com as competições pela frente. Tem Libertadores agora e os jogadores sabem disso. É meu trabalho colocar o Santos em um patamar mais vibrante para competir" disse o Levir, em entrevista coletiva.

Na segunda etapa, o Peixe dominou a partida, e o empate veio com Thiago Maia após o gol, o Alvinegro criou várias chances para viraar a partida. Levir também falou que houve uma reação após a expulsão do jogador Jorginho, do Atlético-GO, mas técnico não se agradou muito. 

"Era natural o Atlético defender mais e a gente atacar. É o beabá. Tivemos volume legal, faltou conclusão, um pouco mais de calma. Mas houve uma reação" concluiu o treinador santista.

O Peixe subiu uma posição com o empate em Goiânia, e irá dormir na quarta posição do Campeonato Brasileiro. Mas poderá perder posições no restante dos sete jogos neste domingo (02), e outro na segunda-feira (03). O Alvinegro volta a entrar em campo na quarta-feira (05), contra o Atlético-PR, pela partida de ida das oitavas de final da Libertadores. E pelo Campeonato Brasileiro, o Peixe terá um clássico no próximo final de semana, contra o São Paulo, domingo (08), na Vila Belmiro

VAVEL Logo