Visitante indigesto: no sul, Cruzeiro perdeu só uma vez para Grêmio em fases eliminatórias
Foto: Vipcomm/Cruzeiro

Conhecidos nacionalmente como times "copeiros", Cruzeiro e Grêmio criaram uma rivalidade à parte quando se trata de confrontos eliminatórios entre as equipes. Até o momento, o saldo é amplamente positivo para os cruzeirenses, que saíram de campo eliminados perante os gaúchos apenas uma vez. 

Curiosamente, o Cruzeiro só perdeu uma vez para o Grêmio em confrontos eliminatórios jogando em Porto Alegre, seja no Estádio Olímpico ou na Arena do Grêmio. A história ainda carrega um embate válido pela fase de grupos da Copa Libertadores da América de 1997, e representou muito para uma conquista histórica do time celeste. 

Abaixo alguns confrontos históricos entre Grêmio e Cruzeiro em Porto Alegre.

Grêmio x Cruzeiro: quartas de final da Taça Brasil de 1966 

O Cruzeiro encarou o Grêmio no Estádio Olímpico pelas quartas de final da Taça Brasil de 1966. No primeiro jogo, o time gaúcho, que tinha Airton Pavilhão e Everaldo na defesa, além de Alcindo no ataque, tentou a todo custo vencer a equipe celeste de Raul, Piazza, Dirceu Lopes e Tostão.

Foto: Arquivo

Apesar da força do time em campo e da torcida nas arquibancadas, o placar não saiu de um empate sem gols, que favoreceu o Cruzeiro na partida de volta. O time celeste derrotou o Grêmio por 2 a 1, no Mineirão, e garantiu a passagem para encarar o Fluminense nas semifinais.

Grêmio x Cruzeiro: final da Copa do Brasil de 1993

Os dois times inauguraram a disputa da final da Copa do Brasil de 1993. O Grêmio, que contava com jogadores do gabarito de Luis Carlos Winck, Paulão, Pingo e Dener - que viria a falecer no ano seguinte -, encarou o Cruzeiro, que tinha nomes como Paulo Cesar, Luizinho, Nonato e Boiadeiro. 

Foto: gremiodados.blogspot.com.br

Na partida, muita luta por parte dos dois times, principalmente do Cruzeiro, que segurou o placar para a partida de volta, realizada no Mineirão. A chuva que caía sobre Porto Alegre ajudou a aumentar o clima de rivalidade. O objetivo celeste se concretizou o resultado sem gols ao final dos 90 minutos. Dias depois, em Belo Horizonte, o time celeste venceu por 2 a 1 e faturou sua primeira Copa do Brasil de sua história.

Grêmio x Cruzeiro: primeira fase e quartas de final da Libertadores de 1997

No contexto desta publicação estão contidas, basicamente, as partidas eliminatórias entre mineiros e gaúchos. Porém, abrimos uma exceção, pois uma das partidas entre Grêmio e Cruzeiro valeu e muito para o futuro celeste na Libertadores de 1997 e não foi por mata-mata. Na primeira fase do torneio continental de 20 anos atrás, ambos os times estavam no grupo 4. O Cruzeiro havia perdido as três primeiras partidas, inclusive para o próprio Grêmio, por 2 a 1, no Mineirão.

No jogo realizado no Olímpico, pela quarta rodada, caso o time celeste não vencesse, seria eliminado ainda na fase de grupos. No entanto, os jogadores celestes conseguiram algo sensacional. Jogaram muito, entregaram-se e saíram vitoriosos de Porto Alegre por 1 a 0, com gol de Palhinha. Para muitos, esse resultado representou o início da história que culminou no título da Libertadores de 1997 pelos mineiros.

Foto: gremio1983.wordpress.com

Ainda pela Libertadores de 1997, Grêmio e Cruzeiro voltaram a se encontrar, mas desta vez nas quartas de final. No primeiro jogo, realizado no Mineirão, vitória cruzeirense por 2 a 0, com gols de Elivelton e Alex Mineiro. No partida de volta, uma verdadeira guerra - no bom sentido - foi protagonizada no Estádio Olímpico.

Os dois times foram altamente valentes em campo. O time celeste saiu na frente com Fabinho - na ocasião lesionado e pedindo para sair do jogo, inclusive - que estava na grande área com muita raça. Porém, a equipe gaúcha conseguiu a virada com Mauro Galvão e Zé Alcino. Essa foi a única derrota azul para os gremistas decidindo mata-mata em Porto Alegre.

Grêmio x Cruzeiro: semifinal da Libertadores de 2009

Duas equipes copeiras fizeram uma grande semifinal na Libertadores de 2009. O primeiro jogo teve vitória celeste por 3 a 1. Aos gremistas, restava fazer três gols de diferença no Olímpico, em Porto Alegre. Na partida de volta, as pretensões do Grêmio se esfriaram ainda na etapa inicial.

Wellington Paulista marcou duas vezes para o Cruzeiro. No segundo tempo, os tricolores deram uma resposta ao seu torcedor e empataram a partida com Réver e Souza, mas era tarde. Os cruzeirenses cravaram a vaga para final da Libertadores de 2009, a qual perderam para o Estudiantes, da Argentina.

Grêmio x Cruzeiro: semifinal da Copa do Brasil de 2016

Na Copa do Brasil do ano passado, os dois times lutavam para chegar à decisão e tentar chegar à soberania no torneio. Ambos tinham quatro títulos da Copa do Brasil até então. No primeiro jogo, o Grêmio fez 2 a 0, no Mineirão, e encaminhou a vaga. Na partida de volta, o time gaúcho se fechou, não permitiu a reação celeste e garantiu a vaga na decisão com o empate em 0 a 0 - em seguida, bateu o Atlético-MG na decisão e sagrou-se campeão da Copa do Brasil.

VAVEL Logo