Fluminense visita Londrina pela Primeira Liga em busca de vaga na semifinal
Foto: Divulgação/Fluminense FC

Após quatro meses, o Fluminense volta a campo pela Copa da Primeira Liga para enfrentar o Londrina, que não disputa o torneio há seis meses, nesta quarta-feira (30), às 19h30 (de Brasília), no estádio do Café. O jogo é válido pelas quartas de final e a classificatória é em jogo único. Em caso de empate, decisão por pênaltis.

O Londrina tem um time bem diferente daquele que entrou em campo contra o Paraná em fevereiro. São nove mudanças na equipe titular, apenas o lateral-esquerdo Ayrton e o meia Celsinho continuaram. Dos atuais titulares, seis chegaram após a primeira fase da Primeira Liga.

O vencedor entre Londrina e Fluminense enfrenta o vencedor do confronto entre Cruzeiro e Grêmio. Se o adversário for o time mineiro, a semifinal já acontece no próximo domingo (3), às 19h. Já se for o time gaúcho, o duelo será na próxima quarta-feira (6), às 21h45.

Em clima de decisão, Londrina busca vaga na semifinal da Primeira Liga

O Londrina encara o Fluminense com clima de decisão. Apesar do foco principal da equipe ser no restante da Série B, o técnico Claudio Tencati vê com bons olhos na Primeira Liga a oportunidade de fortalecer o time. 

"Vamos fazer um jogo de final. Eu vejo como uma forma de impactar no trabalho no time, do clube, na minha visibilidade. O Abel (Braga, técnico do Tricolor) é uma referência para mim, o Fluminense é um grande clube. O Londrina vencendo e chegando à próxima fase, isso vai marcar muito positivamente. A gente acredita nisso e vai trabalhar visando um grande jogo, um espetáculo, e vai buscar passar de fase", disse o treinador.

Mas para avançar à semifinal, o Londrina vai precisar ser mais equilibrado em campo. A defesa é a principal preocupação da equipe e do outro lado tem um dos melhores ataques do país no ano com 94 gols marcados. Pensando nisso, Claudio Tencati deve reforçar a marcação no meio com a entrada do volante Rômulo, formando um trio com Germano e Jardel.

"Não estou jogando contra uma equipe do nosso nível ou abaixo. Estou jogando contra um time de nível superior. Não posso ser negligente e me atirar de qualquer jeito. Eu sei que tenho que ganhar, mas tenho 90 minutos para ganhar. Se não ocorrer nos 90, tem também tem os pênaltis. Estou jogando com uma equipe qualificada, capacitada", explicou. 

Apesar do técnico Abel Braga ter sinalizado que deve poupar os titulares do Fluminense, Tencati não acredita em jogo fácil. O treinador do Londrina acredita que os reservas vão entrar em campo motivados e querendo mostrar serviço ao técnico tricolor.

"Time grande tem várias opções. Ele contratou dois jogadores, um do Figueirense e outro da Série D, que era alvo deles. O jogador que está entrando quer demonstrar ao treinador, é a oportunidade da vida dele em um time grande. Quem está jogando sabe que tem uma importância para o clube e para o treinador. Essa história eu já conheço", finalizou.

Ayrton (à dir.) reencontra o Fluminense (Foto: Divulgação/Londrina)
Ayrton (à direita) reencontra o Fluminense (Foto: Divulgação/Londrina)

Atual campeão, Fluminense busca vaga na semifinal para continuar defendendo título

Campeão da Primeira Liga em 2016, o Fluminense enfrenta o Londrina em busca da vaga na semifinal para continuar defendendo o título. Apesar da possibilidade do técnico Abel Braga poupar alguns titulares, o goleiro Júlio César afirmou que o Tricolor tem a obrigação de se classificar e é o favorito no confronto.

"O favoritismo, obviamente, é do Fluminense, e isso temos que demonstrar dentro de campo. A obrigação é nossa, o clube grande somos nós. Temos que estar atentos para não termos surpresa e sairmos com resultado adverso. Temos que entrar extremamente concentrados. Ainda mais porque estaremos no estádio deles", afirmou o goleiro.

Apesar de afirmar que o favoritismo é do Fluminense, o goleiro do Fluminense também elogiou o adversário e lembrou que a equipe Tricolor precisa ter mais atenção já que os jogadores do Londrina vão querer mostrar valor.

"O Londrina é uma equipe que tem uma boa qualidade, vem se destacando, evoluindo muito. Temos que ser cuidadosos. Eles vão querer mostrar o seu valor. Vão fazer o máximo para nos eliminar, porque é uma oportunidade ótima para eles. Tem tudo para ser um bom jogo", destacou.

O Fluminense não entra em campo pela Primeira Liga desde abril, quando ficou no empate com o Brasil de Pelotas e garantiu a classificação para as quartas de final. Se não tivesse se classificado, o Tricolor teria quase duas semanas de folga. O técnico Abel Braga lamentou não ter esse descanso, mas o goleiro Júlio César vê o lado bom de continuar disputando o torneio.

"Em primeiro lugar, tem a questão do valor de mais um título. Estamos em um clube grande, e um clube grande como Fluminense gosta e tem que estar participando de competições para chegar a títulos. Conquistamos a Primeira Liga no ano passado. Se não tivéssemos esse jogo agora, ficaríamos duas semanas parados praticamente. Nesse estágio da temporada acaba sendo ruim ficar esse tempo sem estar em competições", explicou.

Em meio as dúvidas em relação a escalação do Fluminense, é provável que o técnico Abel Braga poupe alguns dos principais titulares. Por outro lado, Sornoza retorna de lesão e deve ganhar alguns minutos. A partida contra o Londrina serve também de vitrine para Richard e Romarinho, que foram contratados recentemente, que certamente serão observados pelo treinador.

Sornoza retorna após três meses lesionado (Foto: Divulgação/Fluminense)
Sornoza retorna após três meses lesionado (Foto: Divulgação/Fluminense)
VAVEL Logo