Derrota e eliminação chateiam auxiliar técnico do Cruzeiro: "Não atingimos nosso objetivo"
Sidnei Lobo comandou a equipe cruzeirense em partida válida pela Primeira Liga (Foto:Roberto Custódio/Cruzeiro)

Ainda não foi dessa vez que o Cruzeiro conseguiu a condição de disputar a final da Copa da Primeira Liga. Em 2016, a equipe celeste havia sido eliminada na fase de grupos e, nesta temporada, não passou da semifinal. O vilão deste domingo (3) foi o Londrina, do interior do Paraná.

O Tubarão, como é conhecido no sul do país, tirou a Raposa na disputa dos pênaltis com um placar de 3 a 2. No tempo normal, os times empataram em 2 a 2. Lucas Silva e Sassá fizeram os gols azuis, enquanto que Safira e Germano deixaram o duelo em igualdade.

Para Sidnei Lobo, auxiliar técnico dos mineiros, ficou a lamentação após derrota e eliminação no torneio: "Na cabeça deles, no íntimo, todos queriam chegar a final. Eles se empenharam para isso. Treinamos um dia, dois dias, e eles estavam muito comprometidos com essa decisão. Ficaram chateados faz parte, eu também estou. Infelizmente, em um lance meio duvidoso, na minha opinião não houve pênalti. Sobre a arbitragem, ele é um bom árbitro. Acompanho o Vuaden há muitos anos. E sempre apitou firme. Mas na minha opinião não houve pênalti e acabou nos prejudicando. Mas faz parte, agora já passou, temos que pensar no próximo passo”, declarou.

O então treinador, que estava substituindo a Mano Menezes, suspenso por ter sido expulso contra o Grêmio, ainda comentou a importância da presença dos jogadores do sub-20. "Primeiro tenho que agradecer aos meninos que vieram da base. Tivemos praticamente um dia de treino. E também ressaltar o envolvimento de todos os atletas que aqui vieram. Todos se comprometeram, se doaram, e deixaram a comissão técnica feliz, por tudo que fizeram. Infelizmente não atingimos nosso objetivo, que era chegar a final. O time se portou muito bem. Tudo que o Mano pediu lá em Minas Gerais, nós procuramos fazer aqui. É uma pena sair sem essa classificação depois de tudo que foi feito”, concluiu.

Focado na Copa do Brasil agora, o Cruzeiro volta seus olhares a primeira partida das finais, nesta quinta-feira (7), diante do Flamengo, no Maracanã, às 21h45. A expectativa é que todos os atletas tidos como titulares estejam a disposição, exceto os zagueiros Manoel e Dedé, além do volante Ariel Cabral

VAVEL Logo