Avaí vira sobre o Fluminense e consegue vantagem expressiva na Copa do Brasil
Foto: Lucas Merçon / Fluminense

Eram oito jogos invicto, sendo três goleadas seguidas. Coube ao Avaí, no entanto, frear o bom momento do Fluminense. Nesta quinta-feira (1º), o Leão da Ilha venceu o Tricolor de virada por 2 a 1 no estádio Nilton Santos e conseguiu vantagem expressiva na Copa do Brasil. Ibañez abriu o placar para os donos da casa, enquanto André Moritz e Romulo anotaram para os visitantes. Partida de volta será no dia 15 na Ressacada.

Jogando em casa, o Fluminense iniciou o jogo pressionando o Avaí e logo aos dez minutos abriu o placar. Em jogada ensaiada, Sornoza levantou para Gum, que de cabeça, devolveu para Ibañez ganhar a disputa no alto com Aranha e pôr o Tricolor em vantagem. O Avaí, por sua vez, não se abalou pelo gol sofrido. Mesmo em desvantagem, não se desestruturou e conseguiu envolver o Fluminense. André Moritz, no minuto seguinte, em chute de fora da área, quase empatou a partida para o Leão.  

Gradualmente, o Fluminense foi conseguindo retomar o ritmo inicial e teve a chance de ampliar. Aos 24 minutos, Marcos Jr recebeu ótimo lançamento de Richard e tentou encobrir Aranha, mas o goleiro conseguiu se recuperar. No lance seguinte, Renato Chaves, de cabeça, novamente assustou a meta da equipe catarinense. O Avaí marcava bem, mas tinha dificuldade na transição de jogadas ao ataque. No fim da etapa inicial, entretanto, conseguiu crescer de produção e, com isso, empatou o jogo. Aos 42 minutos, Luanzinho ganhou no alto de Gilberto e a bola sobrou para André Moritz, que finalizou de primeira para deixar o confronto igual no Nilton Santos.

Flu abriu o placar com jovem zagueiro Ibañez, mas Avaí equilibrou o jogo (Foto: Lucas Merçon/FFC)
Flu abriu o placar com jovem zagueiro Ibañez (Foto: Lucas Merçon/FFC)

Na volta para o segundo tempo, o Fluminense iniciou impondo o seu jogo, mas esbarrava na boa marcação do Avaí, que voltara empolgado com o gol de empate. Pelo alto, Renato Chaves, aos sete, quase marcou. Jogando no erro do Flu, o time visitante teve uma chance mais contundente com Marinho, que aproveitou cruzamento de Guga, mas Gilberto conseguiu salvar na pequena área. Insatisfeito com o resultado, Abel deixou o esquema mais ofensivo, sacando o zagueiro Ibañez para a entrada do atacante Robinho. Logo depois, o meia Sornoza foi substituído para a entrada do volante Marlon Freitas.

O esquema novo e as substituições deixaram o Flu desestruturado. E o Avaí se aproveitou disso para virar o jogo. Aos 30 minutos, Marlon Freitas perdeu a bola para Maurinho, que avançou e lançou Romulo em velocidade. Ele driblou Júlio César e colocou o Leão em vantagem no Nilton Santos. Nos minutos finais, o Fluminense, na base do desespero, buscou o empate, mas sem sucesso. Ainda teve tempo do Avaí, aos 47 minutos, quase marcar o terceiro com Marquinhos, mas Gum salvou em cima da linha.

O time de Abel Braga não sabia o que era derrota desde a estreia do Campeonato Carioca, em 17 de janeiro, quando perdeu para o Boavista. Além disso, não sofria gols há cinco jogos. Agora, Fluminense e Avaí mudam o foco para os Estaduais. No domingo (4), o Tricolor enfrenta o Volta Redonda, às 17h, em Los Larios. No mesmo dia e horário, o Leão visita o Joinville.

VAVEL Logo