Cruzeiro vence Atlético-MG no Independência e mantém invencibilidade no Estadual
Substituto de Fred, atacante Raniel fez o gol da vitória celeste (Foto: Washington Alves/Light Press/Cruzeiro)

O Cruzeiro venceu o Atlético-MG por 1 a 0 na manhã deste domingo (4), na Arena Independência, pela nona rodada do Campeonato Mineiro. O único gol da partida foi marcado pelo atacante Raniel, que substituiu o lesionado Fred. Com a vitória, a Raposa permanece na liderança com 25 pontos e mantém sua invencibilidade no Estadual, já o Galo fica em quarto lugar, com 12 pontos.

O início de jogo foi muito equilibrado. Ambas as equipes se estudavam sob forte calor na Arena Independência. O Cruzeiro mantinha a bola no campo de ataque e procurava brechas na defesa atleticana. O Atlético-MG, por outro lado se fechava e apostava nos contra-ataques.

A primeira chance real da partida foi do Alvinegro. Aos 19 minutos, Otero cobrou falta venenosa e Fábio com o pé direito, salvou a equipe celeste. O Cruzeiro respondeu aos 38 minutos, com  Robinho. Em cobrança de falta, o meia acertou o travessão do goleiro Victor. O primeiro tempo terminou em aberto. 

Robinho acertou uma bola no travessão ainda no primeiro tempo (Foto: Washington Alves/Light Press/Cruzeiro)
Robinho acertou uma bola no travessão ainda no primeiro tempo (Foto: Washington Alves/Light Press/Cruzeiro)

A segunda etapa começou agitada. Logo aos 3 minutos, o Cruzeiro abriu o placar. Após lindo passe de Rafinha, Raniel recebeu a bola na grande área e tocou na saída goleiro Victor, que nada pôde fazer.

No lance seguinte, Edílson levou o segundo amarelo e foi expulso, após cometer falta em Otero. Em desvantagem no placar, o Galo foi para cima. Após lançamento de Victor, Érik saiu cara a cara com o goleiro Fábio, mas chutou em cima do arqueiro celeste, que fez uma ótima defesa. 

O Atlético-MG tinha dificuldades para criar chances de gol. Em cobranças de bola parada, Otero levava perigo à meta cruzeirense. O treinador Thiago Larghi colocou em campo Cazares e Tomás Andrade, em busca da igualdade no placar. Com um a menos, o Cruzeiro se fechava na defesa. 

Aos 32 minutos, o Cruzeiro se livrou de mais uma expulsão. O zagueiro Léo atingiu Ricardo Oliveira com uma cotovelada, mas o árbitro Cleisson Pereira nada marcou. Já nos acréscimos, após cobrança de escanteio, Leonardo Silva acertou o travessão. A partida terminou com a vitória do Cruzeiro, na Arena Independência. 

Com este resultado, o Cruzeiro se mantém invicto na liderança, com apenas um gol sofrido. O Atlético-MG, por sua vez, é o quarto colocado na tabela.  

Na próxima rodada, o Alvinegro visita o Uberlândia, no Parque do Sabiá, na quinta-feira (8) às 19h15. O Cruzeiro recebe a URT, na quarta-feira (7) às 21h45, no Mineirão. 

VAVEL Logo