Após mais uma vitória do Avaí fora de casa, Claudinei Oliveira ressalta: "Encaixamos uma forma de jogar"
Foto: Beto Lima/Joinville

O Avaí superou o Joinville e conquistou mais uma vitória fora de casa na tarde deste domingo (4), pelo Campeonato Catarinense. O placar foi de 2 a 0, com gols de Rômulo e Marquinhos. A equipe de Claudinei Oliveira foi a primeira a vencer o Joinville na Arena na temporada - foi a sétima vitória avaiana como visitante em 2018. Após o duelo o comandante falou sobre evolução da equipe e avaliou seu desempenho.

Encaixamos uma forma de jogar que já estávamos acostumados a fazer, o que para gente é mais tranquilo. Estava tentando dar um passo à frente, mas os resultados não vinham e a gente sabe que no futebol a paciência não existe, então demos um passo atrás. Estamos na nossa zona de conforto, fazendo bons jogos, sofrendo pouco. Estamos ajustando da forma que conseguimos", frisou.

Avaí bate Joinville e continua grande campanha como visitante em 2018

Ele ressaltou também a evolução da equipe na parte técnica e ofensiva. "Tivemos uma evolução técnica de trocar mais passes, não dar chutão na bola, estamos conseguindo sair tocando. Estamos marcando gols em quase todos os jogos", destacou.

Claudinei destacou a importância da vitória diante do JEC - o time tricolor ainda não havia perdido nenhuma partida diante da sua torcida neste ano. “Conseguimos uma boa vitória, é difícil jogar aqui, o Joinville estava invicto na temporada, viemos e vencemos com justiça.

No momento, o Avaí está próximo aos primeiros colocados na tabela, mas o comandante prefere não esperar pelos adversários. Para ele a equipe tem que fazer sua parte.

Temos que ganhar o maior número de jogos. Não adianta torcer contra os outros, temos que manter a tranquilidade. É a mesma equipe e o mesmo treinador que eram questionados. Não ficamos bons da noite pro dia e nem éramos ruins como falavam. Tenho passado humildade e confiança para o grupo fazer o melhor que puder", ressaltou.

O técnico falou ainda sobre os próximos confrontos no Campeonato Catarinense. Na quinta-feira (8), a equipe joga contra o Hercílio Luz, na Ressacada, às 21h, e no domingo (11) enfrenta o Figueirense, fora de casa.

Vamos ver quem está bem para jogar na quinta e talvez segurar um pouco para o clássico. Sabemos que não vamos contar com João Paulo e Betão que tomaram o terceiro amarelo. Vamos montar o melhor para enfrentar o Hercílio Luz, o jogo também é difícil, e depois pensar no clássico", disse.

VAVEL Logo