Análise: Vasco é pouco criativo e conta com erros do Madureira para vencer
Foto: Paulo Fernandes/Vasco

Análise: Vasco é pouco criativo e conta com erros do Madureira para vencer

Gigante da Colina teve colaboração direta do tricolor suburbano para sair com os três pontos de Moça Bonita

HugoA
Hugo Alves

Já virando a chave para estrear na fase de grupos da Libertadores o Vasco teve na tarde deste sábado (10) mais um confronto válido pela Taça Rio. Apesar de um jogo pobre no que diz respeito ao setor criativo, o Gigante da Colina não teve dificuldades e bateu o Madureira por 3-1

Escalado no sistema 4-2-3-1 o Vasco viu, desde o primeiro minuto, seu adversário recuar e dar o meio-campo para a criação das jogadas. No entanto, sem tanta criatividade com Evander e com pouca ofensividade pelos lados do campo o time de Zé Ricardo contou com falhas do adversário para vencer.

No primeiro gol, por exemplo, falhou o goleiro Jonathan que não conseguiu segurar o chute de Evander. Percebe-se, no entanto, a liberdade dada pelo Madureira ao camisa 10 vascaíno que - sem opções de passe - viu no arremate a solução, deu certo.

Minutos depois foi a vez de Edmário falhar. O zagueiro colocou a mão na bola dentro da sua área concedendo a penalidade do Vasco. Ríos não desperdiçou a oportunidade de ampliar e deu mais tranquilidade ao Almirante.

O terceiro gol, já na segunda etapa, contou com outro problema defensivo do tricolor suburbano. Após contra-ataque, a equipe não conseguiu se reorganizar com rapidez e viu Andrey rolar para Rildo deslocar o goleiro e correr para o abraço.

O problema continua

A vitória, no entanto, não conseguiu esconder o principal problema do Vasco na temporada: a defesa. O gol marcado por Rezende, no início da segunda etapa, evidenciou que a mudança da dupla de zaga nem de longe colaborou para a solução do problema. 

Em análise rápida podemos perceber um problema grave que só foi solucionado em partidas que pediam maior atenção defensiva, ou seja, nos clássicos. O Vasco sofreu gols em todas as partidas do Campeonato Carioca até aqui, com exceção dos jogos contra Fluminense e Flamengo.

Para a partida contra a Universidad do Chile, no meio de semana, espera-se uma mudança no esquema tático. Assim como o Fluminense, a La U utiliza o esquema de três zagueiros. No confronto contra o tricolor Zé Ricardo encontrou como solução espelhar o rival e funcionou. 

 

VAVEL Logo

    Club de Regatas Vasco da Gama Notícias

    há 14 dias
    há 18 dias
    há 20 dias
    há 23 dias
    há 23 dias
    há 23 dias
    há um mês
    há um mês
    há um mês
    há um mês
    há um mês