De olho na Copa do Brasil, Atlético-MG enfrenta Tombense com equipe alternativa

Galo recebe o Gavião Carcará pela última rodada da primeira fase da competição; Na próxima quarta-feira (14), Atlético encara o Figueirense pela Copa do Brasil

De olho na Copa do Brasil, Atlético-MG enfrenta Tombense com equipe alternativa
Foto: Divulgação/Atlético

Neste domingo (11),  Atlético-MG e Tombense se enfrentam às 17h na Arena Independência, em jogo válido pela 11ª do Campeonato Mineiro. Ambas as equipes já carimbaram passaporte para as quartas de finais do torneio.

O Atlético permancerá no máximo na terceira colocação, caso conquiste a vitória, visto que o vice-líder América tem 20 pontos e o time alvinegro só pode alcançar 18. Já a Tombense, quarta colocada, com 15 pontos, pode terminar a primeira fase também na terceira posição. Na última rodada, o Galo venceu o Uberlandia por 2 a 0, fora de casa. Já o Gavião Carcará, bateu o Tupi por 1 a 0, em Tombos. 

Atlético poupa titulares e dá oportunidade para os reservas

O treinador Thiago Larghi colocará em campo uma equipe alternativa, bem diferente dos últimos jogos. Alguns jogadores reservas e oriundos da base terão a chance de mostrar serviço ao comandante atleticano. Os titulares serão preservados para o duelo contra o Figueirense, pelo jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil, na próxima quarta-feira (14). O provável Atlético irá a campo com: Cleiton, Samuel Xavier, Maidana e Matheus Mancini, Danilo, Arouca, Gustavo Blanco, Tomás Andrade, Marco Túlio, Luan e Carlos. 

Tombense busca vitória fora de casa

Pelo lado da Tombense, o treinador Ramon Menezes contará com um desfalque importante para o confronto. O atacante Daniel Amorim, artilheiro do time com quatro gols se lesionou na última partida. Autor do gol da vitória contra o Tupi, Rubens será o substituto. A equipe de Tombos possui a segunda melhor defesa do campeonato, com apenas seis gols sofridos em dez partidas. A provável Tombense terá: Darley, David, Anderson, Wellington Carvalho e Bruninho; PH, Felipe Baiano e Caio César; Everton, Cássio Ortega e Rubens.