Sandro Forner lamenta eliminação do Coritiba na Copa do Brasil: "Apostamos tudo nesse jogo"
(Foto: Comunicação / Coritiba Foot Ball Club)

O Coritiba enfrentou o Goiás, nesta quarta-feira, pela partida de volta da terceira fase da Copa do Brasil no Couto Pereira e foi eliminado pela equipe esmeraldina. Depois de ter perdido a partida de ida no Serra Dourada por 1 a 0,  o Coxa precisava da vitória para buscar a classificação, mas acabou empatando em 1 a 1. O gol do Coritiba foi marcado de pênalti pelo goleiro Wilson, e o gol do Goiás foi marcado por Carlos Eduardo.  A vitória não veio e ainda aumentou a crise da equipe de Curitiba que não vence a cinco jogos. O jogo terminou sob vaias mais uma vez.

A equipe alviverde vive seu momento mais conturbado da temporada, depois de ter se sagrado campeão da Taça Dionísio Filho e garantido vaga na final do Paranaense, a equipe do Coxa já acumula cinco jogos sem vencer. Apesar de já ter lugar garantido na final a eliminação para o Goiás, na Copa do Brasil, é a sexta derrota na temporada dentro de casa.

Essa sequência ruim colocou em cheque o trabalho do treinador Sandro Forner que foi fortemente criticado pelos torcedores do Coxa durante a semana e no jogo de hoje. O presidente do Coritiba, Samir Namur, falou em entrevista após a eliminação e defendeu o treinador da equipe.

O Sandro foi escolhido como técnico do Coritiba porque definimos isso lá atrás. Se tivéssemos trazido outro técnico, o efeito seria de contratar vários atletas. O Sandro se encaixava muito bem neste perfil, além de ser um técnico estudioso. Isso tem sido muito bem feito. Como boa consequência, que mostra a competência desses profissionais, já estamos na final. Foi o único dos 12 de já ter competência de estar na final”, comentou o presidente que também falou de reforços para a sequencia da temporada.

“Não se fala de outro assunto que não seja o acesso à Série A. Fizemos uma série de compromissos (na eleição) de equilíbrio financeiro e de investimento na base. A gente vê uma série de críticas do torcedor, mas posso responder que é um processo. Claro que ninguém imagina que só os garotos da base vão ser titulares. Vamos trazer atletas mais experientes e atletas rodados para completar este elenco”, completou.

O técnico Sandro Forner, que foi alvo de fortes criticas dos torcedores do Coxa, falou no fim da partida da pressão por resultados.

"Temos uma situação de cobranças, que sabemos que não seria fácil. Goiás é um concorrente direto na temporada, um time experiente. Ficamos tristes, apostamos tudo neste jogo. Nosso objetivo de começo de ano era dar rodagem, observar o elenco, ver quem a gente poderia contar no restante da temporada, temos pontos positivos. Entendo as cobranças. Mas temos que pensar no todo. Não é uma situação fácil”, lamentou Forner.

O Coritiba cumpre tabela na Taça Caio Júnior contra o Cianorte, no próximo sábado (17), as 16:30, no Couto Pereira. A equipe não tem mais chances de classificação e espera o vencedor do segundo turno para a grande final do paranaense. A Taça Dionísio Filho, conquistada pelo Coxa garante vaga na final.

VAVEL Logo