Atlético-PR arranca empate com Toledo e garante liderança no Paranaense
Foto: MIguel Locatelli / Site oficial Cap

Atlético-PR arranca empate com Toledo e garante liderança no Paranaense

Depois de sair atrás no marcador, a equipe paranaense conquistou o empate com Éderson, que marcou de pênalti

luan-amaral
Luan Amaral
ToledoDiego; Filipi, Jonão Neto, Renan Dutra e Adriano Peres; Jessé, Jhonathan (Marcelo Telê, min. 46) (Wallan, min. 76), João Felipe e Júlio Cesar; Ferreira e Rael. Técnico: Paulo Baier
Atlético-PRCaio; Cascardo, Daniel, Emerson e Nicolas; Pierre, Guilherme Rend e Giovanny (Marcinho, min. 63); Demethryus (João Pedro ,min. 85), Yago e Alex Sandro (Ederson, min.75 ). Técnico: Tiago Nunes
Placar1-0, min. 49, Rael. 1-1, min. 81, éderson.
ÁRBITROPaulo Roberto Alves Junior (BRA). Cartão amarelo: Dutra (min. 5), Daniel (min. 33), Cascardo (min. 48), Filipi (min. 80), Diego (min. 80) e Ferreira (min. 90).
INCIDENCIASPartida válida pela última rodada da Taça Caio Júnior, segundo turno do Campeonato Paranaense. Foi disputada no estádio 14 de dezembro, em Toledo, no Paraná.

O Atlético-PR garantiu a liderança do grupo B da Taça Caio Júnior depois de empatar com o Toledo, nesta quarta-feira (21), no estádio 14 de Dezembro. A equipe da casa ainda tinha chances de classificação, mas acabou ficando fora das semifinais com o empate. Os gols foram marcados por Rael e Éderson em cobrança de penalidade. O Londrina que conquistou a vitória sobre a equipe do Rio Branco ficou com a segunda vaga do grupo B.

Apesar do equilíbrio no inicio da partida, a equipe do Toledo foi quem criou as primeiras chances de gol com o volante Jessé. Aos sete minutos, em um chute de fora da área que não levou perigo a meta de Caio, e aos 20 minutos em uma cabeçada que obrigou o goleiro atleticano a fazer boa defesa. O Atlético respondeu logo em seguida, Yago lançou Demetrhyus que arriscou com perigo. 

O goleiro atleticano, Caio, assustou o torcedor rubro-negro em bola recuada que por pouco não terminou em gol contra. Apesar de começar com um ritmo acelerado, a primeira parte do jogo foi perdendo fôlego ao longo da partida, e terminou sem muitas chances criadas. O empate não servia para a equipe do Toledo, que precisava da vitoria.

A segunda etapa começou com a equipe do Toledo mais ofensiva. Já sabendo da vitória parcial do Londrina, a equipe sabia que só a vitoria interessava e logo aos dois minutos do segundo tempo abriu o placar do jogo. Marcio Telê, que tinha entrado na vaga de Jhonathan, cabeceou com liberdade, Caio fez ótima defesa, mas a bola sobrou livre para Rael que estufou as redes no estádio 14 de Dezembro. O Toledo se garantia nas semifinais com o resultado parcial.

Aos quinze minutos do segundo tempo o Toledo novamente levava perigo à meta atleticana. Rael, autor do primeiro gol, tentou jogada individual e acabou desarmado. Por pouco o Toledo não amplia o placar.

O Furacão começou a reagir e aos poucos foi tomando as rédeas da partida. Aos vinte e dois minutos, Alex Sandro arriscou chute de fora da área, o remate passou perto do gol do Toledo. Alex era o jogador que mais levava perigo pelo time rubro-negro e aos vinte seis minutos, tentou quebrar a boa marcação da equipe da casa mais uma vez, e dessa vez em jogada individual que foi neutralizada pela equipe do Toledo. 

A defesa do Toledo mostrava segurança. Logo em seguida o Furacão quase empata a partida; Yago recebeu dentro da área com liberdade e chutou para Diego fazdr linda defesa e salvar a equipe da casa do empate. 

Querendo manter a invencibilidade, o Furacão pressionava no segundo tempo. Éderson que tinha acabado de entrar na vaga de Alex, ajeitou pra perna esquerda e bateu no gol, Diego salvou outra vez. Logo em seguida, o atacante sofreu pênalti, quando invadiu a área e foi puxado. Ele mesmo cobrou e converteu. 

O Toledo foi valente e ainda pressionou o Furacão no final. Wallan soltou a bomba e acertou o travessão, mas não foi suficiente. O empate permaneceu ate o fim da partida.

O empate deixa a equipe do Toledo fora da semifinal, o Londrina que goleou o Rio Branco ficou com a segunda vaga do grupo B. O Furacão, que já estava classificado, garantiu a liderança do grupo e manteve sua invencibilidade na competição.

A equipe do Atletico-PR, única invicta na competição enfrenta o Maringá, pela semifinal da Taça Caio Júnior. O jogo será realizado no domingo (25), as 20h na Arena da Baixada. O Toledo está eliminado.

VAVEL Logo

    Atlético PR Notícias

    há 19 horas
    há um dia
    há 2 dias
    há 2 dias
    há 7 dias
    há 8 dias
    há 9 dias
    há 8 dias
    há 12 dias
    há 13 dias
    há 15 dias