Roger Machado minimiza melhor campanha do Paulistão: "Não nos garante favoritismo"
Comandante Palmeirense se mostra satisfatório com o desempenho do seu time (foto: Divulgação/ Se Palmeiras

O Palmeiras não teve dificuldades para voltar a vencer o Novorizontino pelas quartas de final do Campeonato Paulista. No jogo de volta, realizado no Allianz Parque, o time alviverde se impôs na partida e venceu por 5 a 0 (até aqui maior goleada da competição) o time de Novo Horizonte. Os gols foram marcados por Bruno Henrique, Keno, Willian, Dudu e Papagaio. Felipe Melo ainda perdeu um pênalti, que poderia tornar o placar ainda mais elástico. No agregado, o Palmeiras sobrou no confronto, 8 a 0, sobre o time que tinha a terceira melhor campanha no início das quartas de finais.

Com o resultado, o time comandado por Roger Machado, ganha o direito de até uma possível final decidir todos os jogos em casa, pois possui a melhor campanha do Paulistão (32 pts), o segundo colocado Corinthians não consegue mais alcançá-lo (23 pts, -1 jogo).

Na semifinal, o Palmeiras deve enfrentar Santos (atual 4ª melhor campanha) ou o Bragantino (caso vença o Corinthians nos pênaltis).

O meio campista Lucas Lima, que participou diretamente de quatro dos cinco gols da vitória palestrina, cita a mudança de atitude da equipe nas últimas partidas, porém se mostra cauteloso: "Nesses últimos jogos, estamos tendo atitude diferente, e as coisas estão acontecendo em campo. Mas não ganhamos nada ainda. O favoritismo deixamos para vocês. Estamos com muita humildade, trabalhando, mas temos o pé no chão. Vamos ser cobrados para ser campeões, o grupo é muito qualificado".

O técnico Roger Machado também mantém os pés no chão quanto ao posto de favorito ao título atribuído ao Palmeiras: “As equipes que chegaram a essa fase vão fazer jogos iguais. Os números dão conta de que passamos bem por essa fase e estamos credenciados, com confiança para a próxima fase, mas não nos dão nenhuma vantagem. Não nos garante favoritismo".

Roger Machado avaliou o desempenho do time na goleada de forma satisfatória: “Fiquei muito satisfeito com essa intensidade do nosso jogo, por nossos atletas entenderem que nessa fase é importante evoluir dentro de campo. Intensidade, concentração e jogo coletivo acima de tudo são aspectos importantes. Mais uma vez, o jogo coletivo vai bem e muitas individualidades aparecem".

O comandante alviverde ainda chegou  a criticar o regulamento da competição que, segundo ele,  não dar nenhuma “vantagem” para o time de melhor campanha: "Na minha opinião, quem se classifica em primeiro numa primeira fase, mantém a solidez nos resultados e a pontuação deveria ter uma vantagem na semifinal, mas o regulamento não nos dá isso. Zera tudo, mas levamos a confiança de ter passado com autoridade, jogando bem nos dois jogos, tendo feito oito gols no adversário e sem sofrer nenhum".

O Palmeiras terá pela frente as duas  partidas da semifinal do Paulistão (próximo fim e meio de semana), e depois enfrentará o Alianza Lima, no dia 03/04, no Allianz Parque, pela segunda rodada da Copa Libertadores da América.

VAVEL Logo