Brasil vence Colômbia e se mantem vivo no Sul-americano feminino sub-17
Foto: Fernanda Coimbra/CBF

Nesta sexta-feira (23), a Seleção Brasileira Feminina Sub-17 enfrentou a Colômbia, no Estádio San Juan del Bicentenario, na Argentina, em jogo válido pelo quadrangular final do Sul-americano Feminino Sub-17. O Brasil venceu a partida por 1 a 0, com gol de Jheniffer.

Com este resultado, a equipe brasileira se manteve viva em busca da vaga no mundial da categoria e do titulo do campeonato. O grupo agora fica embolado, com várias equipes com 3 pontos e a diferença apenas no saldo de gols. 

O jogo

Com a necessidade da vitória, o Brasil iniciou a partida tomando iniciativa. Com muita vontade, correria e disposição, a equipe brasileira conseguiu até um certo domínio da posse de bola, porem pecava na troca de passes. Era nítido o esforço das atletas, mas os erros se acumulavam a cada tentativa de ataque e ajudavam a Colômbia, que aproveitava os contra-ataques. 

Após a parada para hidratação a equipe brasileira criou boas chances, principalmente em jogadas de bola parada, mas encontrou na goleira colombiana uma barreira difícil de ser ultrapassada. Em chute forte de Júlia, Michell Lugo fez belíssima defesa e salvou a equipe colombiana. Morno e sem gols, o primeiro tempo se encerrou sem grandes oportunidades para a Colômbia e com apenas um bom chute do Brasil. 

A postura do Brasil não mudou no segundo tempo, a diferença foi a maior precisão nos passes. Logo nos minutos iniciais a equipe brasileira conseguiu criar duas boas possibilidades de gol e passou a rondar a área da Colômbia com maior perigo. A luta das atletas chamou atenção, não tinha bola perdida, era carrinho para todo lado, sempre buscando a bola e um número baixíssimo de faltas. Se algo chama a atenção nessa equipe brasileira é a força de vontade. Aos 13’ minutos o Brasil encontrou as redes, em bela enfiada de bola, Emily deixou Jheniffer frente a frente com a goleira, e a atacante brasileira, mesmo marcada conseguiu finalizar com perfeição. Era o gol que a equipe procurava, 1 a 0 e muita vibração.  

Após sofrer o gol, a Colômbia mudou sua postura, mas não conseguiu criar chances claras de gol. O Brasil cresceu, se acalmou e começou a controlar mais a partida. Criou boas possibilidades para ampliar o placar, mas pecou nas finalizações e em alguns momentos parou na boa goleira colombiana. A partida foi ficando mais dura, com faltas mais graves, atletas reclamando de entradas mais fortes e pequenas confusões.

O final do jogo foi dramático. Com várias atletas brasileiras lesionadas, sentindo câimbras e caindo em campo, a arbitra achou por bem adicionar sete minutos ao tempo regulamentar. Em dois momentos nos acréscimos a equipe da Colômbia reclamou um pênalti, mas a arbitragem não viu infração na jogada e mandou seguir em ambos os momentos. Apesar da tentativa de pressão colombiana, o Brasil se segurou bem e se manteve vivo no Sul-americano sub 17. Vitória muito comemorada pela comissão técnica e atletas.

Agora o Brasil enfrenta a Venezuela, no Domingo (25) e busca a vaga no mundial da categoria.

 

VAVEL Logo