1-0, Jean Dias. 2-0, Cleyton. 2-1, Nenén. 2-2, Guilherme.
Chapecoense sai atrás no placar, mas busca empate contra Brusque fora de casa
Foto: Divulgação/Brusque FC

Chapecoense sai atrás no placar, mas busca empate contra Brusque fora de casa

Time da casa abriu dois gols de vantagem ainda na primeira etapa, mas no segundo tempo a Chape deixou tudo igual

ritielimoura
Ritieli Moura
BrusqueAndré Luís; Edilson, Cleyton, Douglas Silva e Ronaelli (Luizinho); Valkenedy, Carlos Alberto (Bidia), Adãozinho, Jean Dias e Anderson Safira (Wilson Junior); Jeferson Renan. Técnico: Pingo.
ChapecoenseJandrei; Eduardo, Rafael Thyere, Nery Bareiro e Bruno Pacheco; Amaral, Elicarlos, Luiz Antônio e Vincius Freitas (Nenén); Vinicius (Junior Santos) e Guilherme (Kendy). Técnico: Gilson Kleina
ÁRBITRORamon Abatti auxiliado por Kleber Lúcio Gil e Alexandre de Medeiros Lodetti.
INCIDENCIASPartida válida pela 16ª rodada do Campeonato Catarinense, realizada no estádio Augusto Bauer.

Brusque e Chapecoense ficaram no empate na tarde deste domingo. Em partida válida pela 16ª rodada do Campeonato Catarinense, o time da casa saiu na frente, abrindo 2 a 0. Na segunda etapa, a Chape, que precisava vencer para garantir a decisão do campeonato em casa, voltou melhor, e deixou tudo igual no estádio Augusto Bauer.

O Brusque saiu em vantagem logo nos minutos iniciais. Carlos Alberto avançou na área, Bruno Pacheco deu um carrinho, mas a arbitragem mandou seguir. Em seguida o atleta dividiu com o goleiro Jandrei, e foi marcado pênalti para o time da casa. Na cobrança, Jean Dias bateu na esquerda, abrindo o placar.

No decorrer da primeira etapa, os donos da casa tiveram controle da partida, tendo maior presença no ataque. A Chapecoense estava segurando a pressão, até que aos 43 minutosm Cleyton ampliou o placar. Após cobrança de escanteio, ele subiu livre e mandou para o fundo do gol.

A Chapecoense voltou para a segunda etapa com o time mais organizado e ofensivo. E não demorou muito para que a equipe diminuísse a vantagem no estádio Augusto Bauer. Em cobrança de falta pela esquerda, a Chape colocou a bola na área, após a zaga tentar afastar, a bola sobrou para Nenén, que de canhota mandou para a rede.

Ainda em desvantagem, a Chape continuou a pressionar o Brusque. Após cobrança de escanteio, Vinicius cabeceou e a bola tocou na mão de Edilson. Pênalti para os visitantes. Guilherme foi para a cobrança, mandando a esquerda de André Luís, deixando tudo igual na partida.

Com o duelo empatado, as equipes passaram a fazer um confronto equilibrado. O Brusque voltou a aparecer no ataque, enquanto se defendia bem. Nos minutos finais Jandrei salvou sua equipe de tomar o gol, Valkenedy cabeceou no ângulo e o goleiro fez a defesa.

O empate deixou o Brusque na sexta colocação na tabela, com 18 pontos. Na próxima quarta-feira (28) a equipe enfrenta o Avaí, na Ressacada, às 21h45.

Já a Chapecoense, que é líder, chegou aos 37 pontos ganhos, mas ainda não garantiu que a decisão do campeonato seja em sua casa. Na próxima rodada, a equipe recebe o Figueirense, também às 21h45 de quarta-feira (28). Um empate garante a final do Estadual na Arena Condá.

MEDIA: 4VOTES: 1
VAVEL Logo